Home » Artigos arquivados » 1999 – Windows (Perguntas e Respostas)

1999 – Windows (Perguntas e Respostas)

1) Faltam 2 MB
Meu PC tem 16 MB de memória, mas o quadro Meu Computador do Windows 95 acusa apenas 14 MB. Será que existe algum problema?
Resposta:
Este problema é causado pelo uso do SMARTDRV no AUTOEXEC.BAT ou no CONFIG.SYS. Retire-o e a quantidade de memória provavelmente voltará ao normal. Também pode ser conseqüência do vídeo onboard, que utiliza parte da memória da placa mãe como memória de vídeo. Se for o caso, não é possível liberar esta memória.

2) Cadê o disco 0?
Comprei recentemente um Pentium-200 MMX que veio com o Windows 95 OSR2. Precisei reformatar o disco, mas qual foi minha surpresa quando notei que não possuía o DISCO 0 (aquele que prepara o disco, formatando-o com a FAT32). O que eu posso fazer?
Resposta:
Você poderá pedir o disco 0 na loja onde você adquiriu o computador. Se a loja não tiver condições de entregar este disquete (deve ter, caso seja uma loja séria), você poderá criá-lo em qualquer computador equipado com a versão OSR2 do Windows 95. Tendo acesso a este computador, formate um disquete (FORMAT A: /S) e copie os programas FDISK e FORMAT. Copie também os arquivos SBIDE.SYS (ou similar) e MSCDEX.EXE. Eles serão necessários para fazer com que o drive de CD-ROM possa ser acessado. Supondo que ambos sejam armazenados no diretório raiz deste disquete, crie neste mesmo disquete um CONFIG.SYS com o comando:
DEVICE=SBIDE.SYS /D:MSCD001 /P:1F0,14
Estamos aqui supondo que o seu drive de CD-ROM está conectado na interface IDE primária (endereço 1F0, interrupção 14). Caso esteja ligado na interface IDE secundária, use /P:170,15.
No AUTOEXEC.BAT, use o comando
MSCDEX /D:MSCD001 /L:D
Ao realizar um boot com este disquete, você terá ativo o seu drive de CD-ROM (D). Coloque um CD no drive e tente acessá-lo. Se tudo correr bem, pode usar o programa FDISK para particionar o disco rígido, e o FORMAT para realizar a sua formatação lógica.

3) WordPad não justifica
Usava no Windows 3.1, o editor Write, que apesar de simples, atendia minhas necessidades. Formatei meu disco e instalei o Windows 95, e agora vejo que no lugar do Write, colocaram o programa WordPad, também simples, na verdade um pouco melhor que o Write, e capaz de ler arquivos WRI. Não estou entrentanto conseguindo usar comandos de justificação de parágrafos (alinhamento nas duas margens). Existem apenas comandos para alinhar a margem esquerda, ou a margem direita, ou centralizar. Estou pensando em reinstalar o Windows 3.1, para depois instalar o Windows 95 por cima, pois desta forma poderei usar o Write. Existe alguma solução melhor?
Resposta:
O programa WordPad, editor de textos que acompanha o Windows 95, não faz justificação de parágrafos, possui apenas os alinhamentos à direita, à esquerda e centralizado. Se você quiser um editor simples que faça justificação, pode utilizar o Write do Windows 3.1. Mas calma, não será preciso instalar o Windows 3.1 inteiro. Copie os arquivos WRITE.EXE e WRITE.HLP para uma pasta qualquer do Windows 95 (por exemplo, a pasta de Acessórios) e use-o à vontade.

4) Menu de inicialização do Windows 95
Gostaria de alterar a configuração do meu Windows 95 para que seja sempre apresentado durante o boot, o seu menu de inicialização, sem que seja preciso pressionar a tecla F8.
Resposta:
Você pode fazer isto editando o arquivo MSDOS.SYS, localizado no diretório raiz. Verifique que as seguintes linhas estejam presentes:
[Options]
BootMulti=1
BootGUI=1
BootMenu=1
BootMenuDefault=6
BootMenuDelay=5
Desta forma, o menu de inicialização do Windows 95 será sempre apresentado, e será usado por default a opção 6 (Prompt do MS-DOS), mas você pode usar outros valores para este default. Você terá um tempo de 5 segundos (BootMenuDelay=5) para teclar outra opção de boot, caso deseje.
No Windows 95, o arquivo MSDOS.SYS é na verdade um texto que pode ser editado pelo EDIT, pelo Bloco de Notas ou pelo WordPad. Entretanto, é preciso antes desligar os seus atributos (Somente Leitura, Sistema e Oculto). Depois de editado e salvo, esses atributos devem ser ligados novamente. Para desligar esses atributos, use sob o prompt do MS-DOS o comando:
ATTRIB -R -S -H C:\MSDOS.SYS
Depois de editado e salvo, ligue novamente os atributos com o comando:
ATTRIB +R +S +H C:\MSDOS.SYS
Esses atributos também podem ser ligados e desligados a partir do próprio Windows 95, sem precisar usar o prompt do MS-DOS.

5) Mais falhas no Windows 95
Tenho um 486DX2-66 com 16 MB de RAM, disco rígido de 540 MB, kit multimídia 2X. Até instalar o Windows 95, tudo corria bem. Depois passei a ter erros quando tento executar janelas do MS-DOS. É informado que o programa executou uma operação ilegal e que será fechado. É informado ainda que o computador precisa ser reiniciado. Já apliquei pasta térmica no processador, mas não resolveu.
Resposta:
Desconfie das suas memórias. Troque-as de posição (por exemplo, se você tem dois múdulos de 8 MB, instale o primeiro no soquete onde atualmente está o segundo, e o segundo no soquete onde atualmente está o primeiro). Se com esta troca, o erro desaparecer, ou se manifestar em outro endereço, significa que o problema está em um dos módulos de memória, que não necessariamente pode estar defeituoso, podendo ser apenas um mau contato. Caso isto não resolva, tente instalar novamente o Windows 95, pois alguns dos seus arquivos podem ter sido corrompidos devido aos erros na memória.

6) Windows 95 em CD-ROM
Gostaria de saber quais são os programas que existem na versão em CD-ROM do Windows 95 que não estão presentes na versão em disquetes, e como fazer para obtê-los.
Resposta:
Uma das formas de obter os programas do Windows 95 que só estão na versão em CD-ROM é através da Internet (http://www.microsoft.com). Entre os arquivos existentes neste CD-ROM, encontramos:
• CD Player – usado para reproduzir CDs de áudio
• Tutorial do Windows 95
• Alguns utilitários para o Windows 95, como o System Monitor, que monitora o uso dos recursos do computador
• Utilitários para MS-DOS, como o MSD (Microsoft Diagnostics), e outros que foram suprimidos da versão em disqutes
• Vários arquivos com sons (WAV) e papéis de parede

7) Backup do registro
Muitos colegas meus têm feito instalações em seus PCs, e algumas vezes não funcionam, causando até mesmo travamentos no Windows 95. Ouvi dizer que existe uma operação chamada “backup do registro”, que pode trazer de volta, de forma menos traumática, a configuração original do Windows 95. Como é feito este “backup”, e como é o seu “restore”?
Resposta:
O registro do Windows 95 é um conjunto de informações sobre sua configuração de hardware e software. É composto de dois arquivos, SYSTEM.DAT e USER.DAT, ambos localizados no diretório C:\WINDOWS. Esses arquivos possuem seus atributos “Sistema”, “Apenas leitura” e “Escondido” ligados. Desta forma é evitado que o usuário acidentalmente os apague. Quando é feita uma instalação qualquer, seja de um novo dispositivo de hardware ou de um novo programa, são feitas alterações no registro. Se a instalação não funcionar, podemos revertê-la facilmente, desde que tenha sido feito um backup do registro. É conveniente fazer também uma cópia dos arquivos SYSTEM.INI e WIN.INI, pois muitos programas de instalação os alteram também. Faça então o seguinte:
1) Crie no seu disco rígido uma pasta C:\REGISTRO
2) Quando quiser fazer um backup do registro, entre no Prompt do MS-DOS e use os comandos:
C:
CD\WINDOWS
ATTRIB -R -S -H SYSTEM.DAT
ATTRIB -R -S -H USER.DAT
COPY SYSTEM.DAT C:\REGISTRO
COPY USER.DAT C:\REGISTRO
ATTRIB +R +S +H SYSTEM.DAT
ATTRIB +R +S +H USER.DAT
COPY WIN.INI C:\REGISTRO
COPY SYSTEM.INI C:\REGISTRO
É conveninete criar um arquivo BACKREG.BAT com esses comandos, para evitar que tenha que digitar todos eles. Antes de fazer uma instalação de hardware ou mesmo de software, execute este batch, e estará feita a cópia do registro.
3) Se algo falhar, você pode restaurar a configuração anterior com os comandos:
C:
CD\WINDOWS
ATTRIB -R -S -H SYSTEM.DAT
ATTRIB -R -S -H USER.DAT
CD\REGISTRO
COPY *.DAT C:\WINDOWS
COPY *.INI C:\WINDOWS
CD\WINDOWS
ATTRIB +R +S +H SYSTEM.DAT
ATTRIB +R +S +H USER.DAT
Para evitar digitar todos esses comandos, crie um arquivo RESTREG.BAT com este conteúdo, e execute-o quando quiser restaurar o registro.
Preste atenção em um detalhe importante. Se você fizer um backup do registro, depois uma instalação 1, e depois uma instalação 2, e a instalação 1 apresentar problemas, ao restaurar o registro, não só a instalação 1, como também a instalação 2 estará desfeita. Se você queria apenas reverter a instalação 1, terá que realizar novamente a instalação 2.

8) MS-DOS 7.0
O DOS 7 que faz parte do Windows 95 é 100% compatível com o MS-DOS 6.22?
Resposta:
Nenhum software pode ser dito 100% compatível com qualquer outro. Sempre existem as pequenas diferenças. Eu diria que o MS-DOS 7 do Windows 95 é 99% compatível com o MS-DOS 6.22, o que para efeitos práticos, é considerada uma compatibilidade total, mas não ponha sua mão no fogo por isto.

9) Alterações na memória virtual
Fui informado de que é possível aumentar o desempenho do computador usando arquivos de troca (memória virtual) com tamanho mínimo e máximo iguais a 3 vezes a quantidade de RAM instalada. Meu PC tem 16 MB, e portanto tentei ajustar o tamanho para 48 MB. Entretanto, antes de aceitar a alteração, o Windows 95 colocou uma mensagem dizendo que modificações na configuração da memória virtual podem causar problemas no funcionamento do computador.
Resposta:
Sempre que fazemos alterações nas configurações da memória virtual, o Windows 95 avisa que trata-se de uma operação perigosa. Realmente, se o usuário não souber o que está fazendo (por exemplo, se não souber como habilitar novamente a memória virtual, depois de ter feito sua desabilitação), muitos programas poderão deixar de funcionar por memória insuficiente. Pode fazer a sua alteração sem medo.

10) Windows 95 mudou de disco
Tenho um Pentium-133 com 32 MB de RAM, 256 kB de cache, e disco rígido de 580 MB. Instalei um segundo disco rígido de 1,2 GB com o Windows 95. Dessa forma, o antigo disco passou de C para D e tudo funciona muito bem, com a exceção do seguinte problema: as associações de extensões de arquivos com os respectivos programas não funcionam mais no Windows 3.11 (disco D) porque a procura é feita pelos antigos caminhos do disco C. Para visualizar um arquivos GIF, por exemplo, a partir do Gerenciador de Arquivos, tenho que fazer, toda vez, uma nova associação, pois o Windows 3.11 não a guarda. A janela Associar apresenta sempre os caminhos antigos (indicando o disco C) e não sei como mudar isso. Já procurei nos arquivos INI e não encontro nada. O que devo fazer?
Resposta:
O método que você usou para instalar o Windows 3.11 e o Windows 95 não é o mais adequado. O Windows 3.11, que antes ocupava o drive C, possuía diversos arquivos .INI, muitos deles com referências ao drive C. Agora que tudo está no drive D, aparentemente funcionará, mas poderá apresentar algumas anomalias, como a que você descreveu, relativa às associações de arquivos. Mesmo resolvendo este problema, outros poderão ocorrer, de forma inesperada. Sugiro que você copie todo o diretório D:\WINDOWS para o drive C. Como provavelmente você já instalou o Windows 95 também em um diretório C:\WINDOWS, será preciso repetir a sua instalação, mas fornecendo outro nome de diretório (Ex: C:\WIN95). Feito isto, você poderá copiar o Windows 3.11 para o drive C. Não é necessário entretanto copiar os seus aplicativos. Pode mantê-los todos no drive D. Apenas será preciso corrigir os caminhos dos ícones, através do Gerenciador de Programas, alterando as ocorrências de C: para D:.

11) Onde colocar a memória virtual?
Tenho dois discos rígidos, um de 1.2 GB (Master) e outro de 1.6 GB (Slave), que uso pouco. Melhoraria o desempenho do Windows 95 se eu utilizasse uma parte do HD Slave como memória virtual?
Resposta:
Se você usa mais o primeiro disco, o desempenho da memória virtual será melhor se for mantida no segundo disco. Você terá desta forma, menos movimentos com as cabeças do disco, o que contribui para aumento de desempenho.

12) Boot múltiplo não funcionou
Meu PC possui instalados o MS-DOS e o Windows 95. Conforme explicado no livro Windows 95 Expert, tentei fazer as alterações no arquivo MSDOS.SYS, visando o aparecimento do menu de inicialização sem a necessidade de pressionar a tecla F8:
[Options]
BootMulti=1
BootGUI=0
Bootmenu=1
BootDelay=5
BootMenuDefault=6
Tentei várias vezes editar o arquivo MSDOS.SYS sem sucesso, e acabei fazendo-o pelo EDIT do DOS. Retirei os atributos (-r -s -h) usando o comando ATTRIB e fiz as alterações. Depois disso, executei um boot, mas o menu não apareceu, e o computador travou, nem mesmo mostrando a mensagem “Iniciando o Windows 95”. Fui obrigado a usar o RESET e fazer um boot através de disquete. Constatei então que os arquivos MSDOS.SYS e IO.SYS haviam desaparecido. Regravei-os usando um disquete de boot do Windows 95, que voltou a funcionar. Tentei novamente produzir o sistema de dual boot, e todos os problemas voltaram a ocorrer.
Resposta:
O problema provavelmente ocorreu pelo fato de ter sido usado o “EDIT do DOS”. O correto seria usar o “EDIT do Windows 95”, a partir do modo MS-DOS do Windows 95, ou do comando Prompt do MS-DOS executado a partir do Windows 95. Quando um sistema possui o Windows 95 e o MS-DOS instalados (boot dual), existem duas versões do arquivo MSDOS.SYS. Se é executado um boot normal do Windows 95, o MSDOS.SYS ativado é o que pertence ao Windows 95, que tem pouco mais de 1,5 kB. O MSDOS.SYS que pertence ao MS-DOS é automaticamente renomeado para MSDOS.DOS. Quando é executado um boot pelo DOS, o arquivo MSDOS.SYS ativo é o que pertence ao DOS, com tamanho de 38 kB (diferenças neste tamanho são verificadas de acordo com a versão do MS-DOS), e o MSDOS.SYS do Windows 95 é automaticamente renomeado para MSDOS.W40 (esta troca de nomes ocorre também com o COMMAND.COM e com o IO.SYS). Ao usar o EDIT do DOS, você deve ter executado um boot com o MS-DOS, e editou na verdade, o MSDOS.SYS do DOS, e não o do Windows 95, daí vieram os problemas. Repita o procedimento, mas antes execute um boot com o Windows 95, e confirme o tamanho do MSDOS.SYS, com pouco mais de 1,5 kB.

13) Teclas de função
As teclas de Função F2 a F12 do meu teclado estão na verdade sem função alguma. Gostaria de saber se existe alguma configuração do Windows 95 para que eu possa usá-las para executar comandos ou frases que julgo importante para meu trabalho.
Resposta:
Diversos programas já fazem uso das teclas de função, como é o caso do Microsoft Word. Você pode entretanto adicionar comandos para as teclas de função no âmbito de qualquer programa, usando o utilitário Recorder. Este utilitário fazia parte do Windows 3.x. Procure um computador que possua o Windows 3.x, ou mesmo um no qual o Windows 95 foi instalado sobre o Windows 3.x, e copie os arquivos RECORDER.*. Grave em um diretório do seu computador, crie um atalho, e agora você poderá usá-lo. Com teste programa, as teclas de função, bem como suas combinações usando Alt, Control e Shift, podem ser associadas a comandos ou seqüências de comandos do teclado e do mouse. Muitos usam este recursos, por exemplo, para criar demonstrações automatizadas de programas.

14) Precisa digitar WIN
Quando ligo o meu computador, aparece o logotipo do Windows 95, o processamento do CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT, mas ao terminar, fica no Prompt do MS-DOS, e tenho que digitar WIN para entrar no Windows 95. Isto aconteceu depois que tentei reinstalar o Windows 95, e deu erro no disco 2. O motivo de eu ter tentado reinstalar o Windows 95 é que o computador trava sempre que tento mudar o modo gráfico de 24 bits para 256 cores.
Resposta:
Edite o arquivo MSDOS.SYS (localizado no diretório raiz do drive C), trocando a sua linha BOOTGUI=0 para BOOTGUI=1. Este arquivo é protegido, e antes de ser editado, precisa ter seus atributos alterados com o comando ATTRIB:
ATTRIB -R -S -H MSDOS.SYS
Depois de fazer a alteração, use o comando inverso para retornar os atributos originais:
ATTRIB +R +S +H MSDOS.SYS
Isto resolve o problema, e você não precisará mais digitar WIN. Entretanto, outros problemas ainda não detectados podem estar presentes, devido ao fato da instalação ter travado. É importante que você tente novamente fazer a instalação do Windows 95, ficando assim, mais seguro de que não existem mais problemas.
O problema do travamento quando é tentada a alteração no número de cores tem grande chance de estar sendo causado pelo driver da sua placa de vídeo. Você não especificou a marca da sua placa de vídeo, e nem disse qual driver está usando. A melhor opção é usar o driver mais recente, obtido através do site do seu fabricante na Internet. Aqui estão os sites dos fabricantes das placas mais comuns:
Trident: http://www.tridentmicro.com

S3: http://www.s3.com

Cirrus Logic: http://www.cirrus.com

Diamond: http://www.diamondmm.com

A segunda opção é usar o driver que acompanha a sua placa de vídeo, na forma de um disquete ou CD. Finalmente, a terceira opção é utilizar o “drive padrão Windows”. Você pode alterar o driver através da guia Configurações do quadro de Propriedades de Vídeo. Se um driver está apresentando problemas, você deve tentar instalar outro driver. Provavelmente isto resolverá o seu problema.

15) Fontes grandes
Tenho um Pentium-133 com 16 MB de RAM e estou com o seguinte problema no Windows 95: Os menus do WIndows ficam grandes e impossíveis de acessar, e as letras dos menus ficam ilegíveis. Já tive problema semelhante e tive que reformatar o HD. Como resolver isto?
Resposta:
Existem dois processos normais que alteram o tamanho das fontes usadas nos menus e nos botões. O primeiro é através da guia Aparência do quadro de propriedades de vídeo. Ao ser ativada esta guia, podemos selecionar o tipo e o tamanho das fontes exibidas nas caixas de diálogo, botões, menus e vários outros elementos. Você pode atuar sobre esses controles, fazendo as fontes voltarem ao tamanho normal, ou então selecionar um dos esquemas pré-definidos. O outro processo usa a guia Configurações do quadro de propriedades de vídeo. Você encontrará um campo com a indicação Tamanho de fonte, no qual pode escolher entre Fontes Pequenas e Fontes Grandes. Poderá ainda clicar sobre o botão Personalizar, e ter acesso a um quadro no qual as fontes podem ter seu tamanho aumentado ou reduzido. Por alguma razão, o tamanho das suas fontes pode ter sido indevidamente alterado em um desses dois pontos.

16) Auto Run
Onde posso adquirir o AUTORUN no Brasil? (o programa que roda os CDs automaticamente quando colocamos o CD-ROM no drive). É gratuito?
Resposta:
O AutoRun é um recurso presente no Windows 95 e 98. Para que um CD-ROM tenha este recurso, deve ser preparado para tal, o que é feito pelo seu desenvolvedor. Basta que exista no diretório raiz do CD, um arquivo de texto simples, com o nome AUTORUN.INF, com um conteúdo como o mostrado no seguinte exemplo:
[autorun]
OPEN=INSTALL.EXE
ICON=ICONE.ICO
Neste exemplo, INSTALL.EXE é o nome do programa que será executado automaticamente quando o CD for inserido. Você pode, é claro, usar outros nomes. ICONE.ICO é o nome do arquivo que contém o ícone com o qual o CD-ROM será representado na janela Meu Computador.
O fato de um CD-ROM estar preparado com AutoRun não garante que será executado automaticamente em qualquer computador. No Windows 3.x, por exemplo, o AutoRun não está disponível. No Windows 95 e 98, é preciso habilitar este recurso, através do Gerenciador de Dispositivos. Aplique um clique com o botão direito do mouse sobre o ícone Meu Computador e selecione no menu apresentado, a opção Propriedades, depois selecione a guia Gerenciador de Dispositivos. Aplique um clique duplo sobre o item correspondente ao CD-ROM, e será apresentado um quadro de propriedades do drive de CD-ROM. Selecione a guia Configurações e marque a opção Notificação de auto-inserção.
Se você quiser que um CD-ROM Autorun não seja executado automaticamente quando for colocado no drive, basta manter pressionada a tecla Shift quando o CD é inserido.

17) Service Pack 1 em inglês e português
Instalei a atualização Service Pack 1 para o Windows 95, baixada do site da Microsoft, e agora o Windows considera as pastas somente inglês (Start Menu, ao invés de Menu Iniciar, por exemplo). Várias outras coisas ficaram em inglês, como caixas de diálogo e mensagens. Como devo proceder para que tudo volte a ser em português como antes?
Resposta:
Faça a instalação do Service Pack 1 para Windows 95 em português. Você pode encontrá-lo em:
http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm
Faça a sua instalação normalmente, por cima da outra versão. Se algumas coisas continuarem em inglês, reinstale o Windows 95 no mesmo diretório (suas configurações serão mantida), e depois faça a instalação do Service Pack 1 em português.

18) Arquivos inúteis
Gostaria de liberar mais espaço no HD, pois instalo e desinstalo muitos programas, e depois de algum tempo, o diretório C:\WINDOWS\TEMP fica cheio de arquivos com a extensão ~, que desconfio que sejam inúteis. Esses arquivos podem ser deletados, e existe outro lugar onde podem aparecer arquivos inúteis?
Resposta:
Um colega foi arrastar alguns desses arquivos que ele achava que eram inúteis para a lixeira, mas por engano, arrastou para cima do ícone de um programa reprodutor de arquivos de som. Sabe o que aconteceu? As caixas de som tocaram:
“inúteis, a gente somos inúteis…” (brincadeira).
Os arquivos temporários aparecem, por default, no diretório C:\WINDOWS\TEMP durante a instalação de softwares, e também durante processamentos que criem arquivos intermediários. Normalmente esses arquivos são apagados pelos próprios softwares que os criaram, mas alguns programadores esquecem de incluir os comandos de remoção. Você pode fazer com que sejam apagados a cada boot, usando no final do AUTOEXEC.BAT, os seguintes comandos:
SET TEMP=C:\WINDOWS\TEMP
ECHO S | DEL C:\WINDOWS\TEMP\*.*
Em condições normais, não aparecerão esses arquivos em outros locais além do diretório temporário (C:\WINDOWS\TEMP).

19) Aguarde enquanto o seu computador está sendo desligado…
Algumas vezes, quando vou desligar o Windows 95 surge a seguinte mensagem: “AGUARDE ENQUANTO SEU COMPUTADOR ESTÁ SENDO DESLIGADO”. Entretanto, o desligamento não ocorre e não aparece a mensagem seguinte dizendo que o computador pode ser desligado com segurança. O que pode estar ocorrendo?
Resposta:
Já presenciei este problema diversas vezes, e em muitas delas não consegui descobrir a causa do problema. A Microsoft afirma que este problema é devido à configuração no Power Management Setup. Ao desabilitarmos esta opção no CMOS Setup, o problema estaria a princípio resolvido. Você pode tentar fazer isso, possivelmente resolverá o problema. Observe entretanto que não necessariamente esta será a causa. Já tive computadores com problemas semelhantes que não estavam com o Power Management habilitado, e só consegui resolvê-lo reinstalando o Windows 95.

20) Service Pack
Tenho o Windows 95 (versão 4.00.950 – sem o OSR1 e sem o OSR2). Gostaria de saber quais .DLL estão desatualizados e que aplicativos estão obsoletos. Como fazer para efetuar as correções de problemas e atualizar os componentes do sistema, além de fazer as correções que permitam ao WIN95 identificar novos componentes de hardware, reconhecer drivers e configurá-los? Como posso saber quais correções e atualizações estão instaladas em meu PC com o WIN95? O que fazer para corrigir/atualizar? Devo atualizar com a OSR2 ou aguardar para fazer upgrade para o Windows 98?
Resposta:
Você pode atualizar o seu Windows 95 com o Service Pack 1, que pode ser obtido em http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm . Lá você encontrará a atualização para o Windows 95 em português. Nunca faça uma atualização em uma língua diferente da que já está instalada no seu computador, coisas estranhas podem ocorrer devido a essa mistura. Se você quiser saber quais são as alterações presentes neste Service Pack, comande a busca da string “Service Pack 1” no Site da Microsoft. Você encontrará explicações detalhadas sobre quais programas são alterados com esta atualização. Seu PC ainda não tem nenhuma dessas correções, pois está com o Windows 95a (4.00.950). Aconselho que você aguarde mais um pouco pela chegada do Windows 95, ao invés de adotar agora o OSR2.

21) Visualizando ícones
Como fazer para visualizar na tela os ícones que estão em C:\Windows\Moricons.dll? Não tenho conseguido.
Resposta:
Uma forma sofisticada de fazê-lo é utilizar programas visualizadores de ícones (icon viewers). Você pode encontrar diversos desses programas em http://www.shareware.com . Uma forma bastante simples e rápida consiste em usar o visualizador de ícones que faz parte do Windows 95. Basta clicar qualquer atalho (de preferência um que você deseja alterar o ícone) com o botão direito do mouse e escolher a opção Propriedades. No quadro apresentado, selecione a guia Atalho, e clique sobre o botão Alterar Ícone. Será apresentado um quadro com o qual podemos visualizar os ícones contidos em qualquer arquivo. No campo Nome do Arquivo, digite C:\WINDOWS\MORICONS.DLL, e ENTER. O quadro passará agora a apresentar todos os ícones deste arquivo. Se você quiser, pode apenas visualizá-los e depois clicar em Cancelar. Se quiser escolher um novo ícone para o atalho que você selecionou, basta marcá-lo e clicar em OK.

22) Fat32 x tamanho do disco
Estou usando Win98 versão 4.0 1721 e tenho uma dúvida a respeito do Fat32, uma ferramenta do sistema. Tenho dois hard disks, sendo de 1200 MB e outro de 480 MB. Quando fui passar o Fat32 o Win98 disse que não seria possível passá-lo no hard disk de 480 MB porque era muito pequeno e somente poderia no de 1200 MB. Aí fica minha dúvida, posso passar o Fat32 em apenas um disco e continuar usando o dois sem problema mesmo estando com Fat16 e Fat32, respectivamente?
Resposta:
Isto ocorrerá com qualquer disco rígido com menos de 512 MB. A FAT32 só pode ser usada (isto é uma opção da Microsoft, tecnicamente poderia ser feito, porém não traria praticamente benefício algum). Discos com capacidades entre 256 MB e 512 MB usam clusters de 8 kB, que não trazem grandes transtornos ao sistema. Entre 512 MB e 1024 MB os clusters possuem 16 kB, e entre 1024 MB e 2048 MB, chegam a 32 kB. Clusters muito grandes resultam em grande espaço desperdiçado quando os arquivos são pequenos. Com a FAT16, um disco de 2 GB, com 1,2 GB ocupados por arquivos, acaba não ficando com 800 MB livres, mas com valores bem menores, como 400 MB. A razão disso é muito simples. Com clusters de 32 kB, um arquivo pequeno tomará para si, sempre 32 kB, mesmo que tenha apenas um byte. Os arquivos pequenos são muito numerosos, e o espaço desperdiçado acaba sendo muito grande. Com a FAT32, os clusters passam a ter apenas 4 kB, e o espaço desperdiçado fica muito menor.
Se você possui dois discos rígidos, pode deixar um usando a FAT32 e o outro usando a FAT16, não haverá problema algum. Eu mesmo utilizo esta configuração em um dos meus computadores, e funciona muito bem. Observe entretanto que o sistema de arquivos (FAT16 ou FAT32) se aplica ao disco rígido inteiro, e não aos seus drives lógicos. Não é possível por exemplo, dividir um disco rígido de 2 GB em duas unidades lógicas, e usar uma com FAT32 e outra com FAT16. No seu caso, esta separação é possível, já que são dois discos rígidos físicos, e não dois drives lógicos de um mesmo disco rígido.

23) As várias versões do Windows 95
O que diferencia Windows 95 , Windows 95 Plus , Windows 95 OSR2 e Windows NT ? O que é um software “OEM” ?
Resposta:
O Windows 95 é a versão original do principal sistema operacional da Microsoft, lançado em agosto de 1995, que logo dará lugar ao Windows 98. O Windows 95 Plus consiste no próprio Windows 95, acrescido dos utilitários que formam o pacote Microsoft Plus, vendido separadamente. Este pacote possui melhoramentos visuais, o DriveSpace 3, temas para a área de trabalho e o Internet Explorer 2. Todos esses recursos estão incorporados no Windows 98, exceto, é claro, o Internet Explorer, que estará na sua versão mais recente. O Windows 95 OSR2 é uma atualização no Windows 95, com bugs corrigidos, além da FAT32, como uma preparação para o Windows 98. Não é vendido separadamente, e sim, instalado em PCs novos. O Windows NT é uma versão especial do Windows, mais confiável, porém inadequada para usuários de jogos. É mais voltado para uso profissional. Teoricamente todos os programas para Windows 95 funcionam também no Windows NT, mas existem exceções, principalmente na área de jogos. O Windows NT Workstation é uma versão para uso individual, e o Windows NT Server é uma versão para uso em servidores. Por exemplo, muitos servidores Web utilizam o Windows NT Server.
Software OEM é aquele que é fornecido junto com outros produtos. É o caso, por exemplo, de jogos que acompanham kits multimídia, ou programas de OCR que acompanham scanners. Na maioria das vezes, esses softwares são completos, idênticos aos que você compra em lojas, porém com um manual mais simples, e sem aquelas caixas bonitas. Existem casos de softwares OEM que são reduzidos, tendo algumas de suas funções suprimidas. Às vezes são chamados de LE ou SE (Limited Edition ou Special Edition). É ilegal vender software OEM, pois esses programas devem ser usados apenas para acompanhar produtos de hardware. Ocorre que muitas empresas compram versões OEM dos softwares, e os vendem por preços menores. Isto não contraria as leis brasileiras, mas a empresa produtora do software pode processar quem vende software OEM, que deve ser apenas fornecido gratuitamente junto com outros produtos.

24) Arquivos temporários
Gostaria de saber se posso remover todos os arquivos temporários (TMP), como por exemplo ~009IJN.TMP e arquivos de checagem de disco ( CHK ), como FILE 0001.CHK do meu computador. Existe algum risco disto afetar a execução de algum programa? Em caso positivo, como poderei determinar quais arquivos. TMP e .CHK não estão sendo mais utilizados e eliminá-los com segurança?
Resposta:
Arquivos de extensão CHK são gerados por programas como Scandisk ou Norton Disk Doctor corrigem problemas na estrutura lógica do disco. Você pode eliminá-los a qualquer tempo, com segurança. Já os arquivos de extensão TMP merecem maior cuidado. Como você observou, alguns deles podem estar em uso pelo Windows, e sua eliminação pode causar problemas. Uma forma segura de eliminá-los é fazê-lo no modo MS-DOS. Execute um boot, pressione F8 quando for apresentada a mensagem “Iniciando o Windows 95…”, e escolha a opção Somente Prompt. Pode agora deletar os arquivos TMP. Costumo recomendar uma forma mais simples para esta remoção. Uso no arquivo AUTOEXEC.BAT, o comando:
SET TEMP=C:\TEMP
Desta forma, todos os arquivos temporários serão criados no diretório C:\TEMP (você terá que criar este diretório manualmente). Quando você quiser apagá-los, saberá onde procurar. Melhor ainda, você pode fazer o apagamento automático dos arquivos TMP, sempre que for realizado um boot. Basta colocar no AUTOEXEC.BAT os comandos:
SET TEMP=C:\TEMP
ECHO S | DEL C:\TEMP\*.*
Isto deixará o seu diretório de arquivos temporários sempre vazio.

25) UNIDRV.DLL
Instalei uma impressora Epson LX 810 no Windows 95, configurando-a como IBM Graphics. O funcionamento foi normal, mas, agora, quando tento imprimir, vem a mensagem: INSTALE UMA VERSÃO MAIS NOVA DO UNIDRV.DLL PARA O SYSTEM DO WINDOWS. Posso conseguir esse arquivo via Internet? Gostaria de saber o endereço e como fazer o download do mesmo. Gostaria de saber também se o kit DVD pode ser instalado em um Pentium 166 comum que não é MMX.”
Resposta:
Alguns programas antigos fazem a instalação de um outro arquivo UNIDRV.DLL no diretório C:\WINDOWS\SYSTEM, mais antigo que o já existente (que é datado de agosto de 1995). Para resolver o problema, desinstale a impressora. Basta removê-la da pasta de impressoras. Se o arquivo UNIDRV.DLL não for removido, remova-o manualmente. Agora repita a instalação da impressora. Tudo deverá voltar ao normal. Você pode passar por este problema novamente, quando fizer instalações de outros softwares antigos. Copie então o UNIDRV.DLL para outro diretório. Caso o problema volte a ocorrer, bastará copiar o UNIDRV.DLL correto para o diretório C:\WINDOWS\SYSTEM e executar um novo boot.

26) MinSPs
Meu computador deu a seguinte mensagem:
“Não há mais paginas de pilha a mais. Pode ser necessário aumentar a configuração de “MinSPs’ em system.ini para impedir que haja possíveis falhas de pilhas. Há atualmente 5 SPs alocados”.
O que é isso? Quando pressiono qualquer tecla parece que tudo está normal.
Resposta:
A Stack (em português, Pilha) é uma área de memória na qual são escritos e lidos os endereços das rotinas executadas durante o uso normal do computador. Rotina é uma espécie de função, um trecho de programa, que é “chamado” a partir de diversos pontos do programa. Graças a este recurso, comum desde os computadores dos anos 60 (é o que estudei, eu não sou tão velho assim), os programas podem ter tamanhos maiores. Trechos repetitivos são programados como rotinas, e são chamados quando necessário, evitando que esses trechos tenham que ser repetidos a cada vez que são usados. Para que este mecanismo funcione, é preciso manter em uma área de memória, o endereço do local de onde a rotina foi chamado. Esta área de memória é a stack, ou pilha. Em sistemas mais complicados, é comum a existência de várias pilhas independentes. Isto é necessário para evitar que todos os programas usem a mesma pilha, o que apesar de funcionar, não permite que os programas sejam independentes (ou seja, que as áreas de memória de um programa fiquem inacessíveis aos demais programas em execução).
A mensagem de erro apresentada avisa que o número de pilhas está no seu limite, e que o computador pode travar, a menos que sejam alocadas mais pilhas. Você poderá ter problemas se executar um número maior de programas, ou se tiver um número maior de dispositivos de hardware gerando interrupções. Para resolver o problema, aloque um número maior de pilhas, bastando para isto colocar no SYSTEM.INI, após a linha [386Enh], a seguinte linha:
MINSPS=6
A mensagem de erro deverá parar de ser exibida. Se continuar, tente usar valores mais altos.

27) Alterando o logo do Windows 95
Qual o formato do arquivo suportando pelo comando LOGO do Windows 95?
Resposta:
A tela de abertura do Windows (na qual existem nuvens e o seu logotipo), e as duas telas de desligamento (Aguarde enquanto o seu computador está sendo desligado / Seu computador já pode ser desligado com segurança) podem ser personalizados. A tela de abertura fica embutida dentro dos arquivos de inicialização, mas você pode colocar em seu lugar um arquivo bitmap (formato BMP) de 256 cores, cujo nome deve ser obrigatoriamente LOGO.SYS. Após criar o arquivo LOGO.BMP usando editores gráficos de sua escolha (por exemplo, o Paint que acompanha o Windows 95), deve ser armazenado no diretório raiz do drive C, e seu nome deve ser alterado para LOGO.SYS. As duas telas apresentadas na finalização do Windows 95 são LOGOW.SYS e LOGOS.SYS, localizadas no diretório C:\WINDOWS. Você pode alterá-los pelo mesmo processo. Inicialmente, altere seus nomes para LOGOW.BAK e LOGOS.BAK. Assim você poderá reverter a mudança, caso se arrependa. Copie agora esses dois arquivos com os nomes de LOGOW.BMP e LOGOW.BMP. Pode agora editá-los, apagando o seu conteúdo a adicionando suas alterações. Terminada a edição, mude a sua extensão para SYS.
Se quiser criar esses arquivos diretamente, sem trabalhar com a cópia, deverá utilizar o formato apropriado. Esses três arquivos possuem características semelhantes. Todos precisam ser arquivos BMP (com a extensão alterada para SYS depois de prontos), com 320×400, e 256 cores. A melhor forma de criar esses arquivos é usar um editor gráfico de sua preferência, usando uma resolução padrão (como 640×480), e depois de terminada a edição, usar um comando para alterar a resolução para 320×400.

28) Versões do Windows 95
Qual a diferença entre as versões do Windows 95 4.00.1111 e 4.00.950? Além dessas duas versões, existe mais alguma diferente?
Resposta:
A versão 4.00.950 é a original, lançada em 1995. Se você fizer a instalação do Windows 95 Service Pack 1, a versão passará a ser 4.00.950a. A versão pode ser checada de duas formas diferentes. A primeira, clicando o Meu Computador com o botão direito do mouse. No quadro apresentado, estará presente a versão do Windows. A segunda, usando o comando VER em uma seção do MS-DOS sob o Windows 95. Uma particularidade ocorrerá quando for usado o Windows 95 OSR2 (ou quando form instalado o Windows 95 Service Pack 2). No quadro de propriedades do sistema, é apresentada a versão 4.00.950b, mas o comando VER reportará a versão como 4.00.1111. Estranho, mas nada nocivo. Finalmente, em PCs mais recentes, poderá ser encontrada uma versão mais recente do OSR2, chamada OSR2.5. A versão é reportada como 4.00.950c.
Não custa nada lembrar aqui sobre as atualizações do Windows 95. Se você está enfrentando problemas considerados anormais, inexplicáveis, é recomendável fazer uma atualização, usando o Service Pack 1, ou o Service Pack 2. Você poderá encontrar o software para atualização em
http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm

29) Janela sempre aberta
Porque sempre que ligo meu computador, abre-se uma janela do DISK C?
Resposta:
Tenho a solução para este problema, apesar de não ter identificado até agora qual a sua origem (ou seja, qual é o software que tem o mau hábito de habilitar esta configuração). Dois métodos são usados para executar automaticamente programas, ou abrir pastas na inicialização do Windows 95: o menu Programas/Iniciar, e a seção RUN do arquivo WIN.INI. Clique o botão Iniciar da barra de tarefas com o botão direito do mouse, e no menu apresentado, escolha a opção Abrir. Na janela apresentada, aplique um clique duplo sobre a pasta Programas, e depois sobre a pasta Iniciar. Você verá uma lista de atalhos para os programas que devem ser executados automaticamente na partida do Windows 95. Aqui encontramos em geral, por exemplo, programas anti-vírus, como o Vshield. Se nesta pasta existir um atalho para C:\, ou outra pasta qualquer, esta pasta aparecerá aberta sempre que o Windows 95 for iniciado. Elimine este atalho, e o problema estará resolvido. Já observei casos em que a pasta C:\WINDOWS aparecia sempre aberta ao ser iniciado o Windows, justamente por existir no menu Iniciar, um atalho para C:\WINDOWS.
O outro ponto que deve ser checado é o arquivo WIN.INI, localizado em C:\WINDOWS. Abra este arquivo, usando um editor de textos como o NotePad ou o bloco de notas. Verifique se na seção RUN=, localizada bem no seu início, existe uma linha relativa a C:\. Por exemplo
RUN=C:\
ou
RUN=
C:\
Retire esta referência a C:\, e o problema estará resolvido. Da próxima vez que você iniciar o Windows 95, não mais será aberta a janela do drive C.

30) Arquivos temporários
Os arquivos com extensão .tmp podem ser deletados do computador para aumentar o espaço no HD?
Resposta:
Sim, esses arquivos são criados durante processos de instalação, e mesmo durante a utilização normal de programas. Os programas que os criam devem providenciar o seu apagamento, mas muitos programas não o fazem. Também podem aparecer quando o computador é desligado indevidamente, durante a execução de programas, como por exemplo, quando falta luz. Nesse caso, além de ocupar espaço desnecessariamente, os arquivos temporários esquecidos também acabam gerando “clusters perdidos”, ou seja, áreas do disco que são marcadas como ocupadas, mas sem pertencer na verdade a arquivo algum. Os clusters perdidos podem ser eliminados com o uso periódico do programa Scandisk (semanalmente, por exemplo). Os arquivos temporários podem ser eliminados manualmente pelo usuário, mas isto nunca deve ser feito dentro do Windows 95, e sim a partir do modo MS-DOS (porque algum desses arquivos temporários pode estar sendo utilizado por algum programa em execução, ou pelo próprio Windows 95). Particularmente, gosto de deletá-los através de um comando no arquivo AUTOEXEC.BAT:
ECHO S | DEL C:\WINDOWS\TEMP\*.*
Isto fará com que o diretório temporário fique sempre vazio após cada boot.

31) WIN.COM foi para a lixeira
Estou com um problema muito sério. Meu irmão mandou para a lixeira os programas WIN.COM e mais quatro programas. O computador fala que existe um erro no arquivo CONFIG.SYS nas linhas 3, 6, 14 e 17. Gostaria de saber se ainda tem jeito ou só instalando o Win 95 novamente.
Resposta:
Sim, ainda tem jeito. Você precisa saber quais são esses programas, copiá-los de outro computador que possua a mesma versão do Windows 95, e gravá-lo no seu. Entretanto, isto só funcionará se você tiver realmente certeza de quais programas forma apagados. É possível que outros programas tenham também sido eliminados, e você ainda não tenha percebido. Nesse caso, problemas podem continuar ocorrendo no seu computador. A melhor solução, totalmente segura, é reinstalar o Windows 95. Isto não chega a ser muito trabalhoso, pois a instalação será feita sobre o Windows 95 já existente. Todas as configurações serão mantidas. Você só precisará repetir a instalação do driver da placa de vídeo, caso tenha optado por usar o driver fornecido pelo fabricante. Se você utiliza o driver SVGA que acompanha o Windows 95, não precisará ter este trabalho adicional.

32) Atalhos que somem
Meu computador perde misteriosamente os acessos de atalho dos ícones que aparecem na minha área de trabalho, mostrando apenas [acesso.lnk], sendo a palavra acesso, qualquer programa que eu o a instalação de um aplicativo tenha criado. O que fazer? Minha solução até agora é reinstalar o Windows 95, resolve, mas a perda de tempo…
Resposta:
Isto certamente é uma anomalia, não deveria acontecer em operação normal. As causas do problema podem ser as mais inesperadas possíveis. O problema pode ser causado, por exemplo, por uma incompatibilidade no driver da sua placa de vídeo. Se você está usando o driver que acompanha o Windows 95, tente instalar o driver do fabricante, que foi fornecido junto com a sua placa de vídeo em um disquete. Se você usa o driver do fabricante, tente trocar por um driver compatível que acompanha o Windows 95. O problema pode ainda estar sendo causado por um vírus, e você deve fazer uma checagem usando um programa anti-vírus apropriado, como o Viruscan. Também algum gerenciador de Desktop, caso você esteja usando, pode causar problemas nesta área. Sugiro ainda que você faça a atualização do Windows 95 usando o Service Pack 1, que pode ser obtido em
http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm
Este Service Pack corrige vários bugs detectados pelos usuários do Windows 95. Enquanto você não corrige o problema, faça um backup da área de trabalho, para que seja possível reconstruir os atalhos sem precisar instalar o Windows 95. Crie um diretório C:\BACKTRAB e utilize, no Prompt do MS-DOS sob o Windows 95, o comando:
XCOPY C:\WINDOWS\DESKTOP\*.* C:\BACKTRAB /S
Desta forma, se os atalhos forem perdidos, você poderá restaurá-los com o comando:
XCOPY C:\BACKTRAB\*.* C:\WINDOWS\DESKTOP /S

33) Ícones malucos
Utilizo em meu micro o Windows 95B, de um tempo para cá venho observando que após um determinando tempo com algum aplicativo aberto, os ícones da área de trabalho vão perdendo o ícone original do programa, ficando apenas o símbolo do Windows em um papel branco, tem algo haver com o browser? Eu uso o IE 4.04 com o desktop ativo desativado.
Resposta:
Em situação normal, os ícones podem sumir caso o programa onde estão localizados seja removido ou desinstalado. Muitos dos ícones usados pelos programas ficam no arquivo Shell32.DLL, outros ficam dentro dos próprios programas executáveis aos quais pertencem. Isto também pode estar ocorrendo devido a mais um “bugzinho” do Windows 95, talvez criado pela inclusão do Internet Explorer 4. Você pode fazer um backup da área de trabalho, para reconstruir o seu conteúdo, caso ocorram alterações. Utilize o método descrito na pergunta sob o título “Atalhos que somem”.

34) Sumiu a versão anterior do sistema operacional
Tinha o Windows 95 instalado, mas meu irmão o apagou acidentalmente. Reinstalei o sistema a partir do seu CD-ROM, mas quando reiniciei a máquina e teclei F8, a opção “Versão anterior do MS-DOS” desapareceu, apesar do diretório \DOS estar lá. O que aconteceu?
Resposta:
Antes de ocorrer o problema, o último sistema operacional a ser instalado era o Windows 95, e o penúltimo, era o MS-DOS 6.22. Quando você instalou o Windows 95 novamente, o MS-DOS 6.22 deixou de ser o penúltimo, passando a ser o ante-penúltimo. Por isto não existe mais a opção de executar um boot como MS-DOS no seu menu de inicialização, mesmo estando lá o diretório C:\DOS. Para usar o DOS, você precisará agora realizar o boot através de um disquete. Existe entretanto uma outra solução um pouco mais trabalhosa. Execute o boot com um disquete (tem que ser a mesma versão existente no seu diretório C:\DOS) e a partir do drive A, use o comando:
SYS C:
É preciso que o disquete possua também o programa SYS.COM, e caso não tenha, execute-o na forma:
A:
C:\DOS\SYS C:
Depois disso, o MS-DOS será a última versão de sistema operacional instalada no seu PC. Será preciso agora instalar novamente o Windows 95. Este trabalho todo pode ser evitado se tivesse sido utilizada a seguinte regra:
Se você usa o boot duplo com MS-DOS/Windows 95 e precisa instalar novamente o Windows 95, use inicialmente o programa SYS.COM para fazer com que o MS-DOS seja o sistema operacional default (basta usar SYS C: a partir de um disquete de boot do MS-DOS), e depois instale o Windows 95.

35) Instalação do Windows 98
Antecipando-me às questões relativas à atualização do Windows 95 para o Windows 98, gostaria de saber se posso proceder da seguinte forma: fazer cópias dos arquivos de dados para um segundo disco rígido (conectado como slave) e depois desconectá-lo. Só com um disco rígido conectado, fazer a atualização para o Windows 98, optando pela FAT32. Então, conectar o segundo disco rígido (slave) que está com a FAT16 e copiar aqueles arquivos de dados para o disco Master.
Resposta:
Perfeitamente, você pode proceder desta forma, mas não é realmente necessário desconectar o disco Slave do computador. Você pode deixá-lo presente o tempo todo, o programa de instalação não afetará os dados nele existentes. Quando você fizer a conversão para a FAT32, ou mesmo se formatar o disco rígido Master usando FAT32, o segundo disco rígido poderá permanecer com FAT16, não sendo alterado. Ainda assim, se você quer ficar 100% seguro (acho que no seu lugar eu faria a mesma coisa), pode retirar o segundo disco. Isto acaba funcionando como um backup para maior segurança dos seus dados.

36) Instalação de fontes
Comprei um CD com 5200 fontes, fiz a instalação de algumas delas, mas quando vou visualizá-las, aparece uma mensagem dizendo que tenho que colocar o CD. Como faço para resolver este problema?
Resposta:
Para não passar por este problema, durante o processo de instalação de fontes (através do Painel de Controle), você deve marcar a opção “Copiar fontes para a pasta de fontes”. Quando isto não é feito, mas as fontes estão em um diretório qualquer do disco rígido, tudo funcionará perfeitamente, pois o Windows saberá onde obter os arquivos que formam as fontes. No seu caso, como as fontes originalmente estavam no CD-ROM, o Windows pedirá a colocação deste CD. Para resolver o problema, você precisará primeiro remover as fontes que instalou. Como são muitas, e estão misturadas com as fontes que já acompanham o Windows, é melhor que você antes copie todos os arquivos TTF existentes na pasta C:\WINDOWS\FONTS para uma outra pasta qualquer, como segurança. As fontes que acompanham o Windows 95 estão todas com a data 24/08/95, e hora de 09:50. Para checar quais são, basta abrir a pasta C:\WINDOWS\FONTS e usar o comando Exibir Detalhes. Depois de remover as fontes que foram instaladas de forma errada, repita a sua instalação, mas marque a opção “Copiar fontes para a pasta de fontes”.

37) Janela sempre aberta
Sempre que inicio meu Computador, uma pasta Programas e um aplicativo “Controle de Acesso ao textbridg” insistem em abrir, mesmo que eu feche-os antes de reiniciar. Como posso evitar isso? Já tentei nos arquivos WIN.INI e SYSTEM.INI. Aproveitando, como faço um upgrade no Windows 95, através de download gratuito que a Microsoft oferece pela Internet? A versão do meu Windows é 95.4.00.950.
Resposta:
A chamada para esta pasta e para este arquivo podem estar localizados no arquivo WIN.INI, no SYSTEM.INI ou ainda na pasta Iniciar (Iniciar / Programas / Iniciar). Cheque em quais desses pontos existem referências a este programa e a esta pasta. Observe que no caso do programa “Controle de Acesso ao textbridg”, o nome do programa pode ser outro. Verifique quais são os arquivos .EXE existentes na pasta onde está este programa, um deles pode ser o programa que está sendo executado. Assim você poderá encontrá-los nos arquivos .INI do Windows, ou então na pasta Iniciar.
Desde o seu lançamento, o Windows 95 tem passado por um lento e gradual processo de detecção e correção de problemas. Finalmente temos o Windows 98, com nada menos que 3.000 bugs corrigidos a partir da versão original do Windows 95. Se você não pretende migrar agora para o Windows 98, permanecendo mais um tempo com o Windows 95, pode pelo menos fazer a atualização com o Service Pack 1, que pode ser obtido em:
http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm
Esta atualização não corrige os 3.000 problemas eliminados com o Windows 98, mas pelo menos algumas centenas deles ficam resolvidos, e muitos deles podem ser os seus. Quem possui o Windows 95 OSR2 (ou Windows 95b) não precisa fazer esta atualização. Na verdade, o Service Pack 2, ao ser instalado sobre o Windows 95 original, transforma-o em OSR2. Infelizmente, a Microsoft não disponibilizou o Service Pack 2 em Português, e se for feita a instalação da versão em inglês sobre o Windows 95 em português, certamente surgirão mais problemas que soluções. Você também não precisa fazer a atualização com o Service Pack 1 se o seu computador possui o Windows 95a. Para checar qual é a versão do Windows 95 instalada no seu computador, clique com o botão direito do mouse sobre o ícone Meu Computador. No quadro apresentado, se estiver indicado “Sistema – Microsoft Windows 95 4.00.950”, trata-se da versão inicial. Faça então a instalação do Service Pack 1, e muitos dos seus problemas estarão solucionados.

38) Disco de inicialização
Como gerar um disco de inicialização para o Windows 95 que permita formatar o disco rígido e ter acesso ao drive de CD-ROM?
Resposta:
Já que esta é uma pergunta muito comum, vou mostrar o procedimento de criação deste disco, em PCs equipados com o Windows 98 e também em PCs equipados com o Windows 95. Comecemos então pelo Windows 98.
O disco de inicialização gerado pelo Windows 98 possui os drivers no CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT que dão acesso ao drive de CD-ROM. Este disco é criado automaticamente durante o processo de instalação, mas também pode ser gerado a qualquer momento, através do comando Adicionar ou Remover Programas do Painel de Controle. Ao usarmos este comando, selecionamos a guia Disco de Inicialização e clicamos no botão Criar Disco.
Devemos colocar no drive A, um disquete para ser usado. Arquivos eventualmente existentes neste disquete serão apagados. Fique preparado, pois será também pedida a colocação do CD-ROM de instalação do Windows 98, para que os arquivos necessários à geração deste disquete sejam copiados.
Terminada a geração deste disquete, tente executar um boot com ele. Provavelmente funcionará, e dará acesso ao drive de CD-ROM. Mesmo assim, vamos mostrar como usar o conteúdo deste disquete para gerar outro mais simples, que produz o mesmo efeito. Crie no disco rígido uma pasta C:\DISCO0, e a partir deste disquete, copie para esta pasta, os seguintes arquivos:
FDISK.EXE
HIMEM.SYS
OAKCDROM.SYS
Copie ainda para esta pasta, os seguintes arquivos que estão no disco rígido:
C:\WINDOWS\COMMAND\FORMAT.COM
C:\WINDOWS\COMMAND\MSCDEX.EXE
C:\WINDOWS\COMMAND\EDIT.EXE
C:\WINDOWS\COMMAND\EDIT.HLP
Agora você deve criar nesta pasta, arquivos CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT com o seguinte conteúdo:
CONFIG.SYS
devicehigh=oakcdrom.sys /D:mscd001
files=10
buffers=10

AUTOEXEC.BAT

LH MSCDEX.EXE /D:mscd001 /L:H
Coloque agora no drive A um disquete vazio e formate-o, com as opções Completa e Copiar Arquivos de Sistema. Se preferir formatar o disquete pelo Prompt do MS-DOS, faça-o com o comando:
FORMAT A: /S /U
Depois de terminada a formatação deste disquete, copie para ele os arquivos da pasta C:\DISCO0. Você pode agora realizar um boot com este disquete no seu próprio computador, no qual pretende instalar o Windows 98. Verifique que o drive de CD-ROM já está funcionando. O drive de CD-ROM será reconhecido como H: graças ao uso do parâmetro /L:H no MSCDEX.EXE. Se você quiser, pode usar outra letra.
Como este disquete contém ainda os arquivos FDISK.EXE e FORMAT.COM, pode ainda ser usado para inicialização do disco rígido. Apenas deve ser tomado um pequeno cuidado. Se você executar um boot com este disquete, os drivers OAKCDROM.SYS e MSCDEX.EXE serão carregados na memória, e como conseqüência, haverá menos memória convencional livre (são 495 kB de memória convencional livre). Desta forma o programa FORMAT.COM não conseguirá formatar o disco rígido com a opção /S (gravar boot do sistema). Para contornar esta situação, basta manter a tecla SHIFT pressionada antes do aparecimento da mensagem “Iniciando o Windows 98…” na ocasião do boot. Desta forma esses drivers não serão carregados, e haverá memória convencional suficiente (550 kB)para o programa FORMAT.COM funcionar. Se você não quiser ter o trabalho de pressionar SHIFT durante o boot, pode usar as variantes 1 e 2 explicadas a seguir.
Variante 1 – Problemas de memória convencional insuficiente impedirão o uso do programa FORMAT.COM deste disquete, a menos que seja executado um boot limpo (pressionando SHIFT durante o boot). Se você quer resolver o problema de memória insuficiente de forma mais simples, adicione no início do arquivo CONFIG.SYS, os comandos:
dos=high
device=himem.sys
Desta forma, o gerenciador de memória XMS tornará possível o carregamento de parte do núcleo do sistema operacional na memória superior (em uma área chamada HMA, High Memory Area, localizada entre os endereços 1024k e 1088k). Haverá desta forma, mais 64 kB de memória convencional livre (509 kB), e o programa FORMAT.COM poderá ser usado sem outros artifícios (apesar de que pressionar SHIFT resulta em mais memória convencional livre que usar a VARIANTE 1). Portanto, o conteúdo da VARIANTE 1 deste disquete é o mesmo do disquete original, a única diferença são as duas linhas adicionais no início do arquivo CONFIG.SYS.
Variante 2 – O adicionamento das duas linhas no CONFIG.SYS, explicadas na VARIANTE 1 do nosso disquete, resolvem problemas de memória insuficiente, tanto para uso dos programas FDISK.EXE e FORMAT.COM, como para a instalação do Windows 98. Entretanto, pode ser que futuramente, com novas atualizações do Windows 98, mais memória seja necessária nessas etapas. Para ter ainda mais memória convencional livre, o CONFIG.SYS deve ser feito da seguinte forma:
CONFIG.SYS
dos=high,umb
device=himem.sys
device=emm386.exe noems
devicehigh=oakcdrom.sys /D:mscd001
files=10
buffers=10
Você deve ainda gravar neste disquete, o arquivos EMM386.EXE, que pode ser encontrado no diretório C:\WINDOWS de um PC que já tenha o Windows 98 instalado. A diferença entre a VARIANTE 2 e o nosso disquete original é a presença do EMM386.EXE, além do CONFIG.SYS diferente, como listado acima. Esta variante resulta em cerca de 580 kB de memória convencional livre.
Vejamos agora como proceder no caso do Windows 95. Para gerar de forma automática um disquete de inicialização no Windows 95, adote os mesmos procedimentos descritos para o Windows 98 (Painel de Controle, Adicionar/Remover Programas, Disco de Inicialização). Uma grande diferença é que este disquete não possui os drivers que dão acesso ao drive de CD-ROM. Você terá que copiar o MSCDEX.EXE como explicamos, mas não encontrará o OAKCDROM.SYS. Não se preocupe, pois no lugar deste driver, existem diversos outros, que provavelmente você encontrará presente no computador que usou para gerar este disquete. Poderá ainda encontrar este driver no disquete que acompanha o drive de CD-ROM. Este driver pode aparecer com diversos nomes:
SBIDE.SYS Nos CD-ROMs que acompanham placas Sound Blaster
ATAPI_CD.SYS Sony
LTNIDE.SYS Liteon
10XTREME.SYS Pinnacle Micro
OAATAPI.SYS Acer
SMS_10X.SYS SMS
GSCDROM.SYS Goldstar
SSCDROM.SYS Samsung
HT-IDE.SYS Hitachi
MTMCDAI.SYS Mitsumi
A maioria desses drivers são genéricos e intercambiáveis, ou seja, o driver que acompanha um modelo em geral também funciona com outros modelos, assim como é o caso do OAKCDROM.SYS que acompanha o Windows 98. Particularmente o SBIDE.SYS e ATAPI_CD.SYS têm se mostrado os mais compatíveis, já que acompanham oficialmente diversos modelos de drives de CD-ROM de fabricantes diferentes. Em caso de dúvida, você pode utilizar o driver que é fornecido no disquete que acompanha o seu drive de CD-ROM.
Todos esses programas são executados da mesma forma. Precisam utilizar o parâmetro /D, que deve ser idêntico ao do MSCDEX.EXE. Por exemplo, se você usar no CONFIG.SYS
DEVICEHIGH=SBIDE.SYS /D:MSCD001
terá que usar no AUTOEXEC.BAT
LH MSCDEX.EXE /D:MSCD001
Muitos desses drivers reconhecem automaticamente em qual interface IDE o drive de CD-ROM está conectado. Outros precisam que seja adicionado um parâmetro que define o endereço e a interrupção usada. Por exemplo, a interface IDE primária usa o endereço 1F0 e a interrupção 14. A interface IDE secundária usa o endereço 170 e a interrupção 15. Portanto, se o seu drive de CD-ROM está ligado na interface secundária, como recomendamos, use:
DEVICEHIGH=SBIDE.SYS /D:MSCD001 /P:170,15
O parâmetro /P é usado para definir este endereço e esta interrupção.

39) Erro no registro
Tenho um Pentium-100 com 16 MB de RAM e Windows 95 que está apresentando um problema. Quando inicio o Windows, aparece a mensagem:
Falta de memória ou o Registro está corrompido. Alguns dispositivos podem não funcionar corretamente.
O Windows termina de carregar. Achei que o problema era memória, então acrescentei mais 8 MB, mas não resolveu.
Resposta:
Acho difícil que com 16 MB o Windows reclame logo de início por falta de memória, ainda mais com 24 MB. O problema é então no Registro, que está corrompido. Isto pode ter ocorrido, por exemplo, em uma situação na qual o computador travou ou foi desligado durante uma atualização dos arquivos que formam o Registro. Se a memória não estiver defeituosa e se não existirem defeitos de hardware, o problema poderá ser resolvido com a reinstalação do Windows. Se o problema persistir, será preciso fazer um check-up de hardware no seu computador.

40) A melhor forma de instalação
Gostaria de resolver o problema que está acontecendo com o meu PC quando tento instalar um programa. Em dois casos, aparece a mensagem “O arquivo SETUP.DLL não foi encontrado, e este é necessário para a instalação” – Erro 103.
Tento fazer a instalação copiando os disquetes para o drive E, e tento instalar criando um diretório no drive C, mas nesta etapa, acontece o problema citado. Entretanto, quando tento pelo disquete, não há problema, a instalação funciona.
Resposta:
O procedimento de copiar os disquetes de instalação para um diretório do disco rígido para então fazer a instalação é muito vantajoso, pois o processo de instalação acaba sendo mais rápido. Entretanto, nem sempre este procedimento funciona. Alguns programas de instalação realmente necessitam que os arquivos estejam vindo de um disquete (checando inclusive o LABEL do disco). Na instalação do Windows 95 em disquetes, por exemplo, todos os seus 13 discos podem ser copiados para um diretório (ex: C:\WIN95INS), mas para executar a instalação, é preciso executar o programa de instalação a partir do disco 1, e quando for pedido, deve ser colocado o disco 2. Apenas quando for pedido o disco 3, devemos deixar o drive sem disquetes e clicar em OK, para que o programa de instalação pergunte onde estão os arquivos do disco 3. Fornecemos então, o diretório C:\WIN95INS, e a partir daí serão lidos todos os demais arquivos da instalação.
Alguns programas de instalação que você pretende utilizar podem realmente exigir a presença dos disquetes. Além disso, alguns desses disquetes podem ter diretórios e arquivos ocultos, necessários à instalação. Quando você fizer a cópia para o disco rígido, leve isto em conta, será preciso fazer uma cópia completa. A maioria dos softwares poderão ser instalados desta forma, mas você certamente encontrará alguns que exigem a presença dos disquetes.

41) Erro na instalação do Windows 95
Já instalei o Windows 95 várias vezes, mas da última vez ocorreu um erro no momento em que o programa de instalação ia copiar os arquivos para o HD. Pedi para cancelar a instalação e desde então quando inicio a máquina o boot não entra no Windows 95. Em vez disto fica no Prompt do MS-DOS. Qual seria o problema? Não consigo mais reinstalar o Windows 95. Precisei colocar a linha c:\windows\win.exe no AUTOEXEC.BAT para poder entrar automaticamente.
Resposta:
Quando ocorre um problema durante a instalação, devemos repeti-la e usar a opção “Recuperação Segura”. O programa de instalação determinará o que ocorreu de errado e repetirá a instalação, corrigindo o problema (pelo menos é o que se propõe fazer o programa neste caso). Você pode não estar conseguindo executar o programa de instalação a partir do Windows, mas poderá executá-lo a partir do modo MS-DOS. Basta executar o programa INSTALAR.EXE localizado no Disco 1. Se você especificar o diretório de instalação C:\WINDOWS, as suas configurações originais serão mantidas. Quanto à questão de não conseguir entrar direto no Windows, execute um boot com um disquete e use o comando SYS para transferir o boot do Windows 95 deste disquete para o disco rígido (use o Disco 0 do Windows 95). Se mesmo assim você não conseguir passar automaticamente ao Windows, copie o arquivo MSDOS.SYS de um outro PC com Windows 95 para o seu. Este arquivo está oculto no diretório raiz do drive C, e caso esteja corrompido ou ausente, pode causar o problema que você citou.

42) Arquivos inúteis
Gostaria de saber quais arquivos posso apagar, além daqueles de extensão TMP.
Resposta:
Todos os arquivos do diretório C:\TEMP, ou C:\WINDOWS\TEMP podem ser apagados. Além disso, arquivos cujos nomes ou extensões começam com til (exemplo, ~file01.txt ou file01.~xt) também são, em geral, arquivos temporários que podem ser removidos. Em caso de dúvida, não remova o arquivo imediatamente, e sim, transfira-o para uma pasta com candidatos a remoção definitiva. Por exemplo, se existem arquivos suspeitos de serem inúteis em C:\PROGRAMA\DADOS, crie uma pasta C:\CANDIDATOS\PROGRAMA\DADOS, e mova para lá os arquivos suspeitos. Deixe-os lá por algum tempo, e se o software que utilizava o arquivos não der por falta, você poderá removê-los definitivamente.

43) Erro na inicialização do DriveSpace
Reinstalei o Windows 95 e agora toda vez que inicio o programa aparece um aviso na tela: A VxD do DriveSpace e o driver de modo real não correspondem. Pode ser necessário reinstalá-los, então teclo em alguma tecla e o Win95 inicia normalmente. Por favor não me mande reinstalar o Win95 novamente. Além disso, gostaria de saber como fazer para configurar o meu computador para high color uma vez que essa alternativa não aparece mais na paleta de cores (antes aparecia) e como pegar o mIRC pela Internet.
Resposta:
Edite o arquivo C:\MSDOS.SYS, e adicione na seção Options, a linha:
dblspace=0
Isto evitará o carregamento do driver de modo real do DriveSpace, que provavelmente você não está utilizando. Por outro lado, se você realmente utiliza drives compactados pelo Drive Space, sugiro que faça a instalação do DriveSpace 3, que faz parte do pacote Microsoft Plus.
Os modos Hi Color e True Color da sua placa de vídeo estarão disponíveis, bastando que seja instalado o driver SVGA apropriado. Para algumas placas (ex: Trident), o Windows 95 e também o Windows 98 só oferecem 256 cores. Faça a instalação do driver para Windows 95 que o seu fabricante oferece em um disquete ou CD-ROM. Se você não possui este driver, pode obtê-lo através do site do seu fabricante na Internet. Acesse a área de LINKS deste site, selecione Placas de vídeo, e você encontrará os endereços dos principais fabricantes. Finalmente, o mIRC pode ser obtido por exemplo em http://www.mtecnet.com.br , mas provavelmente o seu provedor de acesso também o oferece para download.

44) Atualizações no Windows 95
Estou interessado em atualizar o meu Windows 95 utilizando o SERVICE PACK 1 PARA MS-WINDOWS 95 (destinado à língua portuguesa e para quem não usa o OSR2), constituído de três updates: UNIMODEM V; KERNEL e SERVICE PACK.
Gostaria de saber o seguinte:
1- É este realmente o “pacote” que devo utilizar ?
2- Estes três updates devem ser rigorosamente instalados na seqüência acima?
3- Para que serve cada update?
4- Pode ocorrer algum tipo de incompatibilidade após a instalação?
5- Concluída a instalação, poderei remover os diretórios temporários dos três?
Resposta:
Os updates que você menciona podem ser obtidos em:
http://www.microsoft.com/windows/software/localize/brz.htm
Neste endereço estão os updates específicos para o Windows 95 em português, usado no Brasil. Não utilize updates configurados para outros idiomas, você pode ter problemas inofensivos como mistura de mensagens em mais de uma língua, ou até problemas de compatibilidade mais sérios, como já ocorreu no passado. Nesta página existem ainda outros dois updates. O update para o Internet Explorer não é necessário caso você esteja usando a versão 3.0 ou superior. O ISDN Accelerator Pack só é necessário caso você esteja usando um modem ISDN. Os demais módulos estão corretos, e você pode fazer a sua instalação em qualquer ordem, e remover os diretórios temporários depois que terminar as instalações. Problemas de incompatibilidade sempre existem, mas as chances de ocorrerem são muito pequenas, já que este pacote está disponível há bastante tempo, e os problemas tiveram muito tempo para serem eliminados. O Kernel Update serve para corrigir problemas de lentidão causados por uso inadequado de memória. O Unimodem V oferece melhoramentos no desempenho do modem, refletidos na sua taxa de transferência. O Service Pack 1 traz uma série de pequenos melhoramentos e correções de bugs, cuja explicação pode ser obtida na própria página por onde é feito o download.

45) Gráficos censurados
Tenho arquivos .gif que não podem ser acessados pelos meus filhos. Como são diversos teria que ocultar a pasta inteira. Como faço isso?
Resposta:
Clique a pasta com o botão direito do mouse e no menu apresentado escolha a opção Oculto. Depois clique em Meu Computador e no menu Exibir, escolha Opções, selecione a guia Exibir, e desmarque a opção Mostrar todos os arquivos. Isto fará com que arquivos de sistema e arquivos ocultos não sejam exibidos. A pasta não aparecerá, e desta forma não poderá ser encontrada por leigos, a menos que aprendam como fazer para exibir os arquivos ocultos. Este é um método simples, mas funciona bem com crianças e não requer o uso de programas especiais de segurança.

46) Anomalias no Windows 98
Relato abaixo alguns acontecimentos “curiosos” que afetaram o meu computador após a instalação do Win 98. Apreciaria muito a ajuda para a resolução de um desses problemas, já que os outros se mostram, pelo menos ate agora, inofensivos.
1) O programa de instalação (suponho) substituiu o driver do teclado, que deixou, desde então, de ser reconhecido como de 104 teclas (aquele que vem com a “cedilha”). Tentei reinstalar o driver antigo, localizando-o no Master CD. Não obtive o resultado esperado: o programa de atualização de drivers também só reconhece o teclado como “Padrão de 101/102 teclas OU Microsoft Natural Keyboard”. O que preciso fazer para que o meu teclado volte a ser reconhecido?
2) Dois modems foram reconhecidos pelo programa de instalação, o original (AT3100 28.8 Data+Fax+Voice (Infoway) E TAMBEM o ViKing 28.8 INTERNAL
Fax+Data+Voice PnP. Eliminei o segundo modem mas, a cada reinicialização, ele é detectado novamente. Essa alteração não me afeta em nada, pois o modem continua funcionando corretamente. Que eu saiba, so tenho um modem instalado…
3) Tenho o Norton Utilities instalado e costumo utilizar as suas ferramentas para a manutenção de discos (Disk Doctor, para a verificação de erros, e o Speed Disk, para a desfragmentação). Pois bem, resolvi experimentar as “novas” ferramentas do Win98: desfragmentei o disco e, logo apos, resolvi usar, também, o Speed Disk, só para verificar se havia alguma diferença. Qual não foi a minha surpresa quando notei que o Norton estava DESFAZENDO (!) o trabalho do Win98, já viram algo parecido? Fui para a prova dos nove e decidi usar o desfragmentador do Win 98 logo após o trabalho do Norton, e… lá vai o Win98 TAMBEM desfazendo o trabalho… Como isso é possível? Nunca tive a curiosidade de olhar isso antes, portanto não sei se essa eh uma peculiaridade do Win 98 ou também afeta o 95…
Resposta:
Para resolver o problema do teclado, será preciso usar o comando Teclado no Painel de Controle. Selecione a guia Idioma, e você encontrará as indicações:
Idioma: Português (brasileiro)
Layout: Português (Brasil padrão)
Aplique um clique sobre esta linha e a seguir use o botão Propriedades. Será apresentada uma lista na qual você pode escolher variações do layout de teclado. O seu provavelmente é o Português (Brasil ABNT2). Será pedida a colocação de um disquete ou CD-ROM de instalação do Windows 98. Terminada a alteração, você terá de volta o uso normal do seu teclado.
A questão dos dois modems é curiosa, nunca vi nada igual. É possível que tenha ocorrido inclusive um erro na nacionalização do modem por parte do fabricante. O seu maior problema é que mesmo removendo o segundo modem, ele é sempre detectado. Para que isto não ocorra mais, não o remova, e sim, use o Gerenciador de Dispositivos, aplique um clique duplo sobre o modem e na guia Geral do quadro apresentado, desmarque a opção Configuração original, no campo Utilização do dispositivo. O “segundo” modem ficará inativo e não será mais detectado. Permanecerá entretanto constando no Gerenciador de Dispositivos, apesar de ser, para todos os efeitos, ausente.
Quanto ao problema dos desfragmentadores, saiba que esta situação é bastante comum. Desfragmentadores diferentes utilizam métodos diferentes para reorganizar os arquivos, por isso você notou que um estava desfazendo o trabalho do outro. Ambos estavam desfragmentando, mas cada um utilizando o seu próprio método.

47) Jogos na hora do trabalho
Adquiri um programa para informatização de meu comércio, que é pequeno. Instalei-o em um Pentium 233 com Windows 95. O que me parecia ser solução passou a ser um problema. Quando estou ausente, algum funcionário acessa o Windows e passeia por jogos (que já apaguei) e arquivos não autorizados. Já tentei barrar pela senha do Windows, mas, é só clicar em cancelar que está liberado o acesso. Como posso barrar este acesso fora do Setup, autorizando, ao ligar, somente o programa de vendas. Caso tenha que comprar outro programa, favor informar-me onde posso encontrá-lo.
Resposta:
É muito ruim para quem tem um negócio, pensar que os funcionários estão trabalhando, quando na verdade estão brincando. Acho que uma pessoa pode jogar, desde que o chefe não se oponha. Você pode barrar a utilização do Windows, adicionando na sua inicialização, um protetor de tela com senha. Escolha um protetor de tela qualquer (por exemplo, Logotipos Voadores) e coloque nele uma senha. Teste para verificar se está funcionando. Depois disso, faça uma cópia do protetor de tela (Procure na pasta C:\WINDOWS\SYSTEM) para o grupo Iniciar. Para chegar ao grupo Iniciar, clique o botão Iniciar da barra de tarefas com o botão direito do mouse e no menu apresentado escolha a opção Abrir. A seguir abra a pasta programas, e finalmente a pasta Iniciar. Esta pasta contem programas que são executados automaticamente na inicialização do Windows. Para fazer a cópia, arraste o protetor de tela até a pasta Iniciar, usando o botão direito do mouse. Ao soltar o botão será apresentado um menu, onde você deve escolher a opção “Criar atalho aqui”. Da próxima vez que o Windows for iniciado, o protetor de tela entrará em ação, e será preciso fornecer a senha para continuar. Sem a senha, o PC não poderá ser usado.
A proteção fornecida por este método não é 100% segura, existem formas de quebrá-la. Por exemplo, podemos iniciar o Windows em modo de segurança, ou então manter a tecla Control pressionada durante a inicialização. Afinal, o Windows 95 é um sistema para uso pessoal, e não oferece mecanismos nativos de segurança, como ocorre no Windows NT.

48) Painel de Controle
Possuo um microcomputador. Preciso instalar uma placa de rede neste equipamento e constatei que os ícones do painel de controle sumiram. Gostaria que me orientassem sobre a forma mais fácil de resolver este problema (Se é possível recuperar estes ícones sem ter que instalar o Windows 95 novamente).
Resposta:
Existem métodos para recuperar os ícones do Painel de Controle usando o REGEDIT e fazendo a reinstalação de apenas alguns arquivos dos arquivos .CAB do Windows. Sou contra a utilização desses métodos, pois quando somem algumas “coisas” que o usuário verifica a falta, em geral somem também outras que não foram percebidas. Ou seja, outros arquivos podem ter sumido além dos ícones do Painel de Controle, e você ainda não percebeu. Nesse caso, a reinstalação do Windows sobre o diretório atual é a opção mais sensata.
Note entretanto que nem tudo estará presente no Painel de Controle em uma instalação básica. O item Rede, por exemplo, não estará presente caso não exista instalada uma placa de rede. Faça a instalação da sua placa através do comando Adicionar Novo Hardware, e verifique se após esta instalação o item Rede já está presente no Painel de Controle. Desta forma não será preciso reinstalar o Windows.
Se você estiver disposto a adquirir um software de segurança, experimente o Scua Supervisor ( http://www.seil.com.br ).

49) Os outros programas
Onde ficam “guardados” os nomes de todos os programas que iniciam junto com o Windows95?
Resposta:
Os nomes desses programas estão no menu Iniciar (Iniciar / Programas / Iniciar) e também na seção Run do arquivo WIN.INI. Existem entretanto alguns arquivos que são carregados automaticamente pelo Windows. Para verificar quais são, pressione F8 quando for apresentada a mensagem “Iniciando o Windows 95…”. Quando for apresentado o menu de inicialização, pressione Shift-F8 para ativar a confirmação passo-a-passo. Selecione então a opção Normal do menu. À medida em que os drivers e programas forem carregados, será apresentado o nome do arquivo, e será pedida uma confirmação (S/N). Responda S para todas as perguntas.

50) Opções de boot no Windows 95/98
Gostaria de saber como devo fazer para desabilitar o menu de inicialização do Windows 95, ou seja, aquele que aparece quando teclo F8 ao aparecer a mensagem “Iniciando o Windows 95…”
Resposta:
O controle do menu de inicialização é feito através do arquivo MSDOS.SYS, localizado no diretório raiz do drive C. Este é um arquivo de texto protegido, e para editá-lo será primeiro preciso desprotegê-lo, usando o comando:
ATTRIB –R –S –H MSDOS.SYS
Feito isto, você poderá editá-lo, usando por exemplo, o EDIT. Este arquivo possui no seu início, o aspecto:
[Paths]
WinDir=C:\WINDOWS
WinBootDir=C:\WINDOWS
HostWinBootDrv=C
[Options]
DoubleBuffer=1
AutoScan=1
WinVer=4.10.1998;
;The following lines are required for compatibility with other programs.
;Do not remove them (MSDOS.SYS needs to be >1024 bytes).
;xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxa

Abaixo da linha [Options], acrescente a linha:
BootKeys=0
Isto fará com que o menu de inicialização não seja apresentado, mesmo que você tecle F8. Não poderá ser usada também a opção F5 para entrar no modo de segurança. Se quiser um boot no Prompt do modo de segurança, será preciso realizá-lo através de um disquete. Ou então, faça um boot normal pelo Windows, abra uma seção do MS-DOS e corrija o MSDOS.SYS, retirando a linha BootKeys. O próximo boot poderá ser feito com o uso das teclas F5 e F8.
Por outro lado, se você quiser que o menu de inicialização do Windows 95/98 seja sempre apresentado, não use o comando BootKeys, e coloque abaixo da linha [Options], a linha:
BootMenu=1
Quando não usamos os comandos BootKeys e BootMenu, o menu de inicialização será exibido apenas quando teclamos F8 durante a inicialização. Esses comandos são válidos tanto no Windows 95 como no Windows 98.
1) Protegendo o Painel de Controle
Como posso esconder itens do Painel de Controle para evitar que sejam alterados acidentalmente?
Resposta:
Para esconder itens do Painel de Controle, será preciso editar o arquivo C:\WINDOWS\CONTROL.INI. Após a linha [Don’t Load], adicione linhas com os nomes dos componentes seguidos de =NO ou =YES conforme deseje esconder ou liberar cada um deles. A tabela abaixo mostra os comandos que podem ser usados e os itens que são escondidos quando usamos cada um deles.
APPWIZ.CPL=NO Adicionar/Remover programas
DESK.CPL=NO Vídeo
INTL.CPL=NO Configurações internacionais
MAIN.CPL=NO Fontes, PC Cards, Teclado, Impressoras
ACCESS.CPL=NO Opções de Acessabilidade
SYSDM.CPL=NO Adicionar novo Hardware e Sistema
MLCFG32.CPL=NO Correio e Fax
MODEM.CPL=NO Modems
SHELL32.DLL=NO Mouse e Gerenciamento de Energia
TIMEDATE.CPL=NO Hora e Data
MMSYS.CPL=NO Sons e Multimídia
NETCPL.CPL=NO Rede
PASSWORD.CPL=NO Senhas

2) Falhas no Windows
Meu computador está apresentando erros como:
– Explorer causou uma falha de proteção geral no módulo OLEAUT32.DLL
– Winword causou uma falha de página inválida no módulo VBA332.DLL
Gostaria de uma orientação sobre o que fazer para corrigir esses erros.
Resposta:
Erros como esses atormentam milhares de usuários do Windows 95. Alguns deles podem ocorrer por problemas no software que você está utilizando, outros são causados por problemas de hardware, como mau funcionamento da memória ou aquecimento do processador. Quando o problema está relacionado com hardware, costuma acontecer com qualquer software. Se muitos softwares funcionam bem e apenas alguns deles apresentam problemas de forma sistemática, é provável que apenas esses softwares estejam com problemas, mas não fica descartada a culpa do próprio Windows. Se você está usando o Windows 95 OSR2, ou o Windows 98, menos ruim. O Windows 95 original teve cerca de 3000 bugs que foram corrigidos nas suas versões 95a, OSR2 e 98. Quanto mais nova é a versão do Windows, menor é a chance de estarem ocorrendo bugs causados pelo sistema operacional.
Tente fazer uma reinstalação de software, primeiro do Windows, depois dos programas que estão apresentando problemas. Com o passar do tempo, alguns arquivos podem ficar logicamente danificados, o que ocorre por instabilidades na rede elétrica, ou então por desligamentos indevidos do computador (sem usar o comando Iniciar / Desligar).
Convém ainda fazer uma checagem geral no hardware do computador, usando um programa de diagnóstico, como o Norton Diagnostics (encontrado por exemplo no Norton Utilities 3.0). Deve ser feito teste na memória, no processador e no disco rígido.

3) Inibindo o uso de um drive
Gostaria de saber se é possível inibir o uso do meu drive A sem necessariamente desabilitá-lo no CMOS Setup, como por exemplo, colocando uma senha.
Resposta:
Podemos esconder qualquer drive, evitando que seja exibido na janela do Meu Computador. A técnica usada é uma alteração no Registro. Apague também o atalho para o drive A localizado na pasta C:\WINDOWS\SENDTO. A proteção não é inexpugnável, mas deixará a maioria dos usuários perdidos, sem encontrar o drive A. Uma vez no REGEDIT, procuramos a chave:
HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Policies\Explorer
Criamos nesta chave um valor DWORD de nome NoDrives. Os bits deste valor representam os drives. O bit 0 representa o drive A, o bit 1 representa o drive B, o bit 2 representa o drive C, assim por diante. Será preciso ligar os bits correspondentes aos drives a serem escondidos. Para que você não precise trabalhar com números binários e hexadecimais, basta somar os valores abaixo e programar o valor total, em decimal:
A=1, B=2, C=4, D=8, E=16, F=32, G=64, etc. Para esconder, por exemplo, os drives A, B e C, usamos o valor 1+2+4, ou seja, 7. Será preciso reiniciar o Windows para que a alteração tenha efeito. Para fazer os drives voltarem, basta alterar para zero o valor de NoDrives.

4) Discos de instalação
Comprei um micro 166 MMX, com 16 Mb de RAM há quase um ano. Tenho instalado o Windows 95, Office 7.0, Corel 6.0, Word 97, Internet Explorer 4.0 e alguns outros programas, porém não recebi os discos de instalação de nenhum. Gostaria de saber se para baixar o Windows 98 será necessário ter o disco de instalação do Windows 95 e de algum outro programa. Caso afirmativo; eu teria o direito de exigi-los ao meu revendedor?
Resposta:
É preciso tomar cuidado com empresas que vendem computadores com software pré-instalado. Quando tudo é feito dentro da legalidade, o usuário recebe na nota fiscal a indicação do fornecimento desses softwares, bem como discos de instalação. Em muitos casos, é fornecido um CD-ROM contendo tudo a ser instalado, em outros casos são fornecidos vários CDs. É um absurdo um caso como o seu, no qual o usuário não recebe os discos de instalação. Infelizmente existem “empresas de informática” que vendem apenas o computador, e instalam de forma ilegal o Windows 95 e todos os demais softwares. Em geral não fornecem nota, ou entregam uma nota fria, ou não indicam na nota a presença do software, discriminando apenas o computador. Se este é o caso do local onde você comprou o seu computador, dificilmente fornecerão os discos de instalação.
Quanto à sua pergunta principal, os discos de instalação dos softwares já instalados em um computador não são, a princípio, necessários para a instalação do Windows 98, mas existem ressalvas. Por exemplo, é possível que ocorram problemas com o driver que o Windows 98 instala para a sua placa de vídeo. Se isto ocorrer, você deverá instalar os drivers antigos, existentes no disco de instalação do Windows 95.

5) Reinstalação do Windows
Possuo um computador Pentium-100, 64 MB de RAM, HD de 1 GB, Modem 33,600 US Robotics e Kit Multimídia Creative de 8x. Precisei reinstalar o Windows 95 no meu computador por conta de alguns problemas que ele apresentava e foi o meu fim. Na primeira vez tentei instalar o programa a partir do próprio Win 95 e não deu certo. Depois de ter copiado os arquivos de instalação para o HD o programa pediu que fosse dado o boot, e eu fiz. Deu tudo errado. O programa exibiu aquela tela Azul piscando (reze) por alguns segundos e depois ficou no DOS com a seguinte mensagem:
erro de proteção: Por favor reinicialize o seu sistema.
Então decidi fazer uma nova tentativa, só que agora inicializando o sistema pelo somente prompt. Não consegui. Fui à luta e agora inicializei o sistema com um disquete de boot que habilita o drive de CD-ROM. Dessa vez foi pior, outras mensagens apareceram e uma delas foi: Standard Mode: Bad Fault in MS-DOS Extender FAULT : 000D Stack Dump: 0000 0000 0070 EC:0000 IP=5D0F CS=0367 FC=3002 SP=0000 SS=02C7
Outra dúvida que tenho é por que o Pentium só pode trabalhar com 02(dois) pentes de memórias de mesma capacidade e se o Pentium II também é desse jeito.
Resposta:
O computador apresentava problemas e você resolveu reinstalar o Windows. Isto só funciona quando o hardware está em perfeitas condições, e os problemas no Windows são restritos a software. Alguns exemplos de problemas de hardware são mau contato, aquecimento de chips, falhas na memória, conflitos de recursos de hardware, instabilidade na rede elétrica, defeito na fonte de alimentação, entre vários outros. Reinstalação nunca resolve tais problemas. Por outro lado, os problemas podem ser causados por arquivos corrompidos, arquivos em falta, arquivos trocados, erros na estrutura lógica do disco. Reinstalar software resolve esses problemas. A primeira coisa a ser feita é uma checagem de hardware no computador, como por exemplo, um teste de memória feito pelo Norton Diagnostics. Um bom técnico de manutenção pode realizar um check-up e fazer uma verificação interna do hardware do seu PC. Apenas depois de liberado você deve partir para a reinstalação de software.
Quando instalar o Windows, retire antes a placa de som e o modem. Ligue o drive de CD-ROM na interface IDE secundária. Depois de terminada a instalação do Windows, faça a instalação da placa de som, depois do modem.
Em relação às memórias, tanto o Pentium como o Pentium II usam memórias de 64 bits. Se forem usados módulos SIMM de 72 vias, que fornecem 32 bits cada um, estes devem ser usados aos pares. Se forem usados módulos DIMM de 168 vias, que fornecem 64 bits, não precisam ser usados aos pares.

6) Escolhendo um diretório para a seção do MS-DOS
Quando estou no Windows 95 e vou para o Prompt do MS-DOS, sempre entro no diretório C:\WINDOWS. Gostaria de saber como fazer para que o prompt do DOS fique na raiz C:\.
Resposta:
Comece fazendo uma cópia do ícone para o Prompt do MS-DOS. Para isto, clique o botão Iniciar da barra de tarefas com o botão direito do mouse e no menu apresentado escolha a opção Abrir. Aplique um clique duplo sobre a pasta Programas, e lá você verá o ícone do Prompt do MS-DOS. Arraste-o para a área de trabalho usando o botão direito do mouse, e quando soltar o botão, escolha Copiar no menu que será apresentado. Você terá então a cópia desejada. Clique este novo ícone com o botão direito do mouse e escolha a opção Propriedades. No quadro apresentado, selecione a guia Programa.O campo indicado como Funcionando deverá estar preenchido como C:\WINDOWS. Altere este campo para C:\. Clique em OK. A partir daí, quando o prompt do MS-DOS for executado a partir deste novo ícone, será usado o diretório raiz do drive C, ao invés do diretório C:\WINDOWS.

7) Limpando a barra de tarefas
Na barra do relógio existem vários ícones como o volume, anti-vírus, o AOL do Netscape e o RealPlayer. Gostaria de retirar alguns desses itens, como o Real e o AOL. Como faço?
Resposta:
Alguns desses programas aparecem ao lado do relógio na barra de tarefas porque são executados a partir da pasta Iniciar / Programas / Iniciar. Para fazer com que não sejam mais executados, basta removê-los desta pasta. Outros programas são ativados a partir de comandos do Registro. Uma forma simples de eliminá-los é utilizando esses próprios programas e procurando algum comando que o ative. No Real Player 5.0, por exemplo, use o comando View/Preferences, e selecione a guia Advanced. Desmarque a opção Allow RealPlayer to Run on System Tray. Você ficará então livre daquele pequeno símbolo ao lado do relógio. Se quiser ativá-lo novamente, execute o Real Player e marque novamente a opção. No próximo boot, o ícone estará de volta. Outros programas possuem processos semelhantes para habilitar e desabilitar a exibição do ícone ao lado do relógio. Você precisará checar cada um deles.

8) Instalação do Windows
Montei um computador e formatei o HD com a FAT32. Tudo OK, por enquanto. Minha dúvida é que uma vez que o sistema operacional (Windows 95) vem em CD-ROM e o HD ainda não tem nada para que eu instale software de reconhecimento do drive de CD-ROM (me informaram que o DOS não pode ser instalado em FAT32), como sair deste círculo vicioso?
Resposta:
O problema da FAT32 não está relacionado com o DOS, e sim com a versão de sistema operacional que você usa. Se você formatou o HD com FAT32, deve ter usado um disquete de boot feito a partir do Windows 95 OSR2 ou do Windows 98. Você não pode agora fazer a instalação do Windows 95 versão original, mesmo que estivesse usando a FAT16. Se você vai instalar o Windows 95 original, aquele que é vendido nas lojas, na forma de disquete ou CD, esqueça. Precisará reformatar o HD, usando os programas FDISK e FORMAT que acompanham a versão do Windows que você vai instalar. Por outro lado, se vai instalar o Windows de versão igual ou superior a aquela que usou quando formatou o HD, poderá perfeitamente fazê-lo, bastando apenas usar no CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT, programas que fazem a ativação do drive de CD-ROM. Esses programas são o SBIDE.SYS (ou similar) e MSCDEX.EXE. No próprio Windows 98, ao ser usado o comando Criar Disco de Inicialização (Adicionar/Remover programas no Painel de Controle), são criados neste disquete, arquivos CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT com esses comandos. Esses comandos são:
a) No CONFIG.SYS:
DEVICE=OAKCDROM.SYS /P:170,15 /D:MSCD000

b) No AUTOEXEC.BAT::
MSCDEX.EXE /D:MSCD000
Estamos supondo que o drive de CD-ROM está ligado na interface IDE secundária da placa de CPU. Se não estiver, ligue-o desta forma, pois é a mais recomendada.
Depois que o drive de CD-ROM estiver ativado, pode fazer a instalação do Windows. Se preferir, pode antes copiar o seu conteúdo para um diretório do disco rígido, e fazer a instalação a partir do HD.

9) Boot do Windows 95 e logotipo
Usei em um PC com o Windows 95, o comando SYS A: C:. Agora ele não inicia mais o Windows. Como corrigir isto sem ter que instalar o Windows novamente? Outra dúvida, qual é o arquivo gráfico que contem o logotipo do Windows 95, exibido durante o boot?
Resposta:
O comando SYS não causa este tipo de problema, desde que seja usado a partir de um disquete com o boot do Windows de mesma versão da existente instalada no disco rígido. O problema ocorre, por exemplo, se no disco rígido existia instalado o Windows 95 original, e o comando SYS tiver sido usado a partir de um disquete com o boot do Windows 95 OSR2. Procure obter outro disquete com o boot e o comando SYS em um computador que utilize o Windows de mesma versão do seu. Aliás, todo usuário precisa saber qual é a versão do seu Windows. Para isto basta clicar o Meu Computador com o botão direito do mouse e escolher no menu, a opção Propriedades. Lá estará indicado:
Microsoft Windows 95 4.00.950
O número 950 indica que trata-se do Windows 95 original. Se tiver sido feita a instalação do Service Pack 1, aparecerá 950a. No caso do OSR2, aparecerá 950b.
O logotipo do Windows 95 está embutido em um dos arquivos de boot, mas você poderá trocá-lo por um arquivo de formato BMP, com resolução de 320×400, com 256 cores, de nome LOGO.SYS. Basta criar este arquivo usando um editor gráfico qualquer e alterar o seu nome para LOGO.SYS. Observe que este modo gráfico não utiliza pixels quadrados. Ao tentar editar este arquivo, a figura ficará esticada no sentido vertical. Para evitar dificuldades, crie este arquivo com 640×480 e depois de pronto, altere a resolução para 320×400 (guarde a versão no formato original).

10) Do Windows 95 para o Windows 98
Tenho o Windows 95 original instalado no meu PC, e gostaria de saber como passar para o Windows 98 sem perda alguma de dados que se encontram no meu HD.
Resposta:
O programa de instalação do Windows 98 não produz perda alguma dos dados armazenados no disco rígido, e ainda mantém as configurações e programas já existentes. Posso entretanto dar algumas dicas para que a instalação seja mais segura.
O Windows 98 pode ser instalado em um disco rígido vazio, ou então em um PC que já possui o Windows 95. Em ambos os casos, faça antes a cópia do conteúdo do CD-ROM para o disco rígido. Desta forma, se ocorrerem problemas durante a instalação, sempre será possível acessar os arquivos de instalação a partir do disco rígido, coisa que nem sempre se pode dizer sobre o drive de CD-ROM.
A instalação a partir de um disco rígido vazio começa pelos programas FDISK e FORMAT. Depois disso, executamos o programa de instalação. Nem todos os usuários podem se dar a este luxo, e certamente a maioria fará a instalação sobre o próprio Windows 95, para que não seja preciso instalar novamente todos os aplicativos. Tome algumas providências para minimizar a ocorrência de problemas:
• Utilize o SCANDISK para fazer um exame na superfície do disco e no sistema de arquivos, e deixe que os problemas sejam corrigidos.
• Desinstale os aplicativos que você não utiliza mais
• Desabilite programas que são executados automaticamente na inicialização do Windows, como por exemplo, aqueles que ficam no menu Iniciar (Iniciar / Programas / Iniciar)
• Desabilite os protetores de tela
• Desabilite programas anti-vírus
• Desabilite no CMOS Setup, a opção Hard Disk Virus Checking
• Como sempre, faça backup dos seus dados importantes
Essas pequenas e simples providências ajudarão a evitar problemas durante a instalação.

11) Desinstalação
Se eu desinstalar o Win95 pelo DOS (para reinstalar depois) eu perco todos os meus programas que rodam sob essa plataforma (Corel, autocad, photoshop, etc)?
Resposta:
Se você apagar o Windows 95, seja pelo DOS ou pelo próprio Windows, os programas que você possui instalados não serão removidos, mas passarão a apresentar vários problemas, como por exemplo, arquivos desaparecidos. O procedimento correto para reinstalar o Windows sem causar problemas para os aplicativos já instalados é repetir a instalação sobre o próprio diretório C:\WINDOWS. Desta forma todas as configurações serão mantidas, e os aplicativos continuarão funcionando.

12) Windows 98 / Windows NT
O Windows 98 funciona bem mesmo em computadores que não tenham Internet? O Windows NT serve para uso residencial? Por que não é muito utilizado? Quais as vantagens e desvantagens do uso dele?
Resposta:
Sim, o Windows 98 pode ser utilizado mesmo em PCs que não estejam configurados para acesso à Internet. Este sistema operacional possui todas as funções do Windows 95 e pode executar praticamente qualquer software escrito para Windows 95, e mesmo para o Windows 3.x. O Windows NT foi criado tendo como público alvo os ambientes corporativos. Possui recursos avançados para gerenciamento de segurança, rede e múltiplos usuários. Não é forte no que diz respeito à multimídia e jogos. Inclusive muitos jogos apresentam problemas ao serem usados sob o Windows NT. Já no Windows 98 existiu preocupação da Microsoft em manter compatibilidade com a maioria dos jogos.

13) Limpando o CONFIG.SYS e o AUTOEXEC.BAT
Gostaria de saber se posso retirar o AUTOEXEC.BAT e o CONFIG.SYS do meu sistema, pois possui o Windows 98 e não uso programas para MS-DOS, mas várias linhas estão incluídas nesses arquivos. Isto poderá causar algum problema?
Resposta:
Se você não utiliza programas para MS-DOS, pode deixar os arquivos CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT exatamente como estavam quando foi instalado o Windows 98:
CONFIG.SYS::
device=C:\WINDOWS\COMMAND\display.sys con=(ega,,1)
Country=055,850,C:\WINDOWS\COMMAND\country.sys

AUTOEXEC.BAT::
mode con codepage prepare=((850) C:\WINDOWS\COMMAND\ega.cpi)
mode con codepage select=850
keyb br,,C:\WINDOWS\COMMAND\keyboard.sys
Essas configurações funcionarão bem, a menos que você precise utilizar algum jogo no modo MS-DOS. A maioria dos jogos para MS-DOS podem funcionar a partir do Prompt do MS-DOS sob o Windows, mas caso você precise utilizar certos jogos a partir de um boot no modo MS-DOS, não terá acesso ao drive de CD-ROM nem à placa de som. Uma solução para este problema é deixar os arquivos CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT como estão e fazer a instalação do disquete que dá acesso ao drive de CD-ROM, fornecido junto com o seu kit multimídia. Este programa de instalação fará alterações no arquivo C:\WINDOWS\DOSSTART.BAT, dando acesso ao drive de CD-ROM e à placa de som. Para usar os jogos, você deverá usar o comando Desligar e escolher a opção Reiniciar em modo MS-DOS. Caso deseje mais informações sobre essas configurações, consulte a área de artigos deste site.

14) Atualização do Windows
Particionei e formatei meu HD(1.7 GB) para instalar o Windows 98 Upgrade. No inicio da instalação o programa solicitou uma autorização para a atualização do sistema. Nesse momento informei o drive A: como caminho. Foram lidos os discos 1,2,3,4,5,11,12,13,16,17,18 e 19 do Windows 95 OSR2. Depois disso a instalação seguiu normalmente pelo CD-ROM. Pergunto então: O Windows 98 Full é melhor do que o Windows 98 Upgrade, já que este último se utiliza de vários disquetes de instalação do antigo sistema (Win95), ou a versão Full do Windows 98 é a mesma coisa, só que, com os arquivos do Win95 embutidos?
Resposta:
Não, as versões Upgrade e Full do Windows 98 são idênticas, e não utilizam arquivos dos Windows 95. A colocação dos disquetes é uma forma de conferir se o usuário possui uma versão oficial do Windows, tendo portanto o direito de adquirir um upgrade. O tempo perdido com a colocação de todos esses disquetes não incomodaria se a sua versão do Windows 95 estivesse em CD-ROM. O acesso realizado não copia nenhum arquivo do Windows 95, trata-se apenas de uma verificação de validade. Esta demora irritante na leitura de todos esses disquetes faz muitos usuários abrirem mão do direito de adquirir o upgrade, e acabam comprando a versão full do Windows 98.

15) Upgrade para o Windows 98
Meu PC está com o Windows 95 instalado. Quero passar para o Windows 98, porém não tenho os discos de instalação do Windows 95. Este upgrade pode ser feito?
Resposta:
O upgrade, ou atualização, deve ser considerado em dois contextos. O Windows 98 é vendido nas lojas em duas versões: Atualização ou Para PCs sem Windows. Ambas são idêntica. A versão para atualização é maios barata, mas exige que o usuário, durante a instalação, prove que possuía uma versão anterior do Windows, através da colocação de disquetes ou CD-ROM de instalação do Windows 95. Se você não possui esses discos, terá que comprar a versão mais cara, que tem os mesmos arquivos, mas não pede os discos do Windows 95 durante a sua instalação.
Para instalar o Windows 98, tanto na versão de Atualização como na versão para PCs sem Windows, você pode proceder de duas formas: formatar o disco rígido e fazer a instalação a partir do zero, ou deixar o disco rígido como está e fazer a instalação do Windows 98 no mesmo diretório onde está o Windows 95 (normalmente C:\WINDOWS). Cada método possui suas próprias vantagens e desvantagens. Por exemplo, ao instalar o Windows 98 sobre o Windows 95, todos os aplicativos e configurações serão mantidos. Já uma instalação a partir do zero serve também para reorganizar o disco rígido, eliminando arquivos antigos e desnecessários, deixando mais espaço livre.
No seu caso, você precisará comprar a versão mais cara do Windows 98, ou seja, aquela “para PCs sem Windows”.

16) Desligamento
Depois que instalei o Windows 98, reparei que quando clico em Iniciar e Desligar o Computador, assim que surge a tela “Seu Computador já pode ser desligado”, o HD é automaticamente desligado. Simplesmente para de girar. Isto está correto? No Windows 95 isto não acontecia.
Resposta:
Sim, isto ocorre no Windows 98, o disco rígido é realmente desligado. Se o computador utiliza uma placa mãe e uma fonte de alimentação ATX, não só o disco rígido é desligado, mas sim o computador inteiro, não sendo mais necessário atuar sobre o botão liga-desliga.

17) Problemas com arquivos ZIP
Tenho um Pentium-233 MMX com 32 MB de RAM e estou passando por alguns problemas. Uso o Windows 98, e após alguns problemas na Internet, tive que reformatar meu HD. Logo após a formatação, notei que todos os arquivos Self-Extractor do WinZip não funcionam mais. Tentei várias vezes, com vários arquivos diferentes, e todos me retornaram a seguinte mensagem de erro: “WinZip Self-Extractor header corrupt. Possible Cause: bad disk or file transfer error”. Pensei que o problema estava só nos arquivos baixados da Internet, mas peguei alguns CDs que tinham arquivos do mesmo tipo e nada deles funcionarem. Um certo dia precisei formatar novamente meu HD e resolvi usar a formatação de baixo nível que se encontra no BIOS do computador, mas nem isso adiantou. Não consigo nem mesmo instalar o WinZip. Será que isso pode ter sido causado por um vírus? A formatação de baixo nível não deveria ter apagado qualquer tipo de vírus? Existe algum tipo de vírus que pode se alojar no BIOS do computador? Qual é o melhor anti-vírus que posso usar para me prevenir de problemas?
Resposta:
Você teve sorte por não ter estragado o disco rígido com a formatação de baixo nível (também chamada de formatação física). Os atuais discos rígidos IDE não devem ser formatados fisicamente, como ocorria com os antigos modelos MFM e RLL, comuns até o início dos anos 90. Muitos BIOS antigos ainda possuem um comando para formatação física, por questões de compatibilidade com esses modelos antigos de HD, mas não deve ser usado em discos IDE. Em alguns modelos antigos de discos IDE, a formatação física poderá funcionar, mas na maioria dos casos resulta em danos irreversíveis ao disco rígido.
Pelo que entendi você formata o HD, instala o Windows e todos os demais utilitários, e fica com problemas nos arquivos self-extractor do WinZip. É realmente um problema muito estranho, não deveria acontecer, pois me parece que você está fazendo tudo certo. Sugiro que você faça algumas investigações adicionais sobre o problema. Experimente executar um desses arquivos self-extactors (EXEs auto-descompactáveis) no PC de um colega e verifique se o problema também ocorre lá. Faça isso com arquivos baixados da Internet e com os existentes nos seus CDs. Se funcionarem, significa que existe algo errado com o seu computador. Realize um boot no modo de segurança e tente executar esses arquivos. Se funcionarem significa que algum programa em atividade está influenciando o funcionamento desses arquivos. Se você não conseguir identificar qual é este programa, formate novamente o disco rígido e reinstale o Windows. Logo depois disso, sem ter instalado outros softwares, experimente utilizar os arquivos self-extractors.
Quanto aos vírus, sugiro que você utilize o VirusScan, que pode ser obtido na versão de shareware em http://www.mcafee.com. Não se preocupe com a integridade do BIOS, pois um vírus não pode ser alojado nesta área.

18) Travamento na inicialização do Windows
Tenho um micro Pentium /100, com 32 MB de RAM , Windows 95 4.00.950 e kit multimídia. Meu problema começa assim que ligo o computador: o switch fica travado na tela de inicialização do Windows e tenho que “resetá-lo”, entrar no modo de segurança e, depois disso, clicar no “Iniciar” , “Desligar”, “Reiniciar o computador”. Feito isso, o sistema reinicializa e opera normalmente. Existe outra solução sem ser a formatação do winchester e reinstalação de todos os programas?
Resposta:
Algum programa carregado na inicialização do Windows está travando. Normalmente são programas ativados no menu Iniciar (Iniciar / Programas / Iniciar), ou na seção RUN do arquivo WIN.INI. Você terá que descobrir qual é o programa que está causando o travamento, para então removê-lo. Uma forma simples para descobrir o programa que causa o travamento é realizando um boot com geração do arquivo BOOTLOG.TXT. Este arquivo fica no diretório raiz e traz um relatório sobre toda a atividade de boot, com os nomes dos programas carregados e para cada um deles, uma indicação de sucesso. Quando o boot trava, este arquivo terá na sua última linha, o nome do programa ou driver que causou o travamento. Para que este arquivo seja gerado, pressione F8 durante a inicialização do Windows, e no menu apresentado escolha a opção 2.
Este travamento pode ocorrer por outras causas, como conflitos de hardware, conflitos entre hardware e componentes sensíveis à temperatura. Nos três casos é necessária uma investigação mais profunda, feita por um especialista.

19) Para que serve o arquivo IOS.INI?
Gostaria de saber para que serve e como utilizar o arquivo IOS.ini, existente no Windows 95. Ouvi dizer que o Windows pode carregar automaticamente os drives ali relacionados, sem necessidade de utilização do Config.sys e/ou Autoexec.bat para isso.
Resposta:
Não, o IOS.INI é utilizado para outro propósito, e não para carregar comandos no lugar do AUTOEXEC.BAT e CONFIG.SYS. O IOS.INI traz uma lista de drivers de modo real considerados seguros e outros considerados inseguros, evitando assim possíveis problemas causados pelo carregamento de drivers considerado inseguros. Por exemplo, drivers de compactação de disco que não sejam da Microsoft, drivers que implementam criptografia do disco e drivers que implementam esquemas de tolerância a falhas através do uso de dois discos, são exemplos de drivers considerados inseguros. O usuário deve evitar alterações no IOS.INI.
Arquivo parecido com o que você descreve é o DOSSTART.BAT, localizado em C:\WINDOWS. Este arquivo funciona como uma espécie de AUTOEXEC.BAT que é executado quando usamos o comando Desligar / Reiniciar em modo MS-DOS.

20) Registro corrompido e travamento de 2 minutos
Tenho um micro Infoway P75MM , com 16 MB de memória e disco de 2 GB. O problema é que, sempre na inicialização, o sistema mostra a mensagem “Não há memória suficiente para carregar o registro ou este está corrompido; Alguns dispositivos podem não funcionar corretamente.”
Depois, fica inoperante por pelo menos 2 minutos e só então começa a operação. O que devo fazer para identificar a(s) causa(s) deste problema.
Resposta:
A falta de memória não é razão provável para que o Registro não seja carregado. Normalmente nesses casos, o Registro está mesmo corrompido. Se você estiver usando o Windows 98, o conserto do Registro é bastante simples. O programa SCANREGW é executado automaticamente a cada boot, e faz um backup do Registro. São mantidas por default as versões do Registro dos últimos 5 dias. Execute então um boot no modo MS-DOS e use o programa SCANREG.EXE (versão para MS-DOS). Você terá acesso a uma tela com os 5 últimos backups do Registro. Escolha um backup do dia anterior e comande a restauração. O problema estará então resolvido. Se o Registro da véspera também estava corrompido, experimente os dos dias anteriores. No Windows 95 o processo é um pouco mais trabalhoso, além de ser mantido apenas um backup ao invés de 5. Faça um boot no modo MS-DOS e use os comandos:
CD\WINDOWS
ATTRIB –R –S –H USER.DA*
ATTRIB –R –S –H SYSTEM.DA*
REN USER.DAT USER.REG
REN SYSTEM.DAT SYSTEM.REG
REN USER.DA0 USER.DAT
REN SYSTEM.DA0 SYSTEM.DAT
ATTRIB +R +S +H USER.DAT
ATTRIB +R +S +H SYSTEM.DAT
Você estará assim restaurando o Registro a partir do último backup. Se este backup também estiver corrompido, a melhor coisa a fazer é repetir a instalação do Windows. Note que para isto não é preciso formatar o disco rígido. Basta executar o programa de instalação sobre o próprio diretório C:\WINDOWS.

21) Travamento na finalização do Windows
Tenho um PC Pentium MMX/ 233 MHz, com Windows 95 versão 4.00.950B e os navegadores (apenas eles) Netscape 4.04 e Internet Explorer 4.0, além do programa de correio eletrônico Eudora 1.54. Quando tento fazer uma instalação completa de qualquer um dos dois navegadores (para aproveitar correio eletrônico e outros programas acessórios), a instalação é bem sucedida e os programas funcionam normalmente. Mas, ao desligar o computador, a máquina pára na tela “Aguarde enquanto o seu computador está sendo desligado”. A tela seguinte (“Seu computador pode ser desligado com segurança”) simplesmente não aparece. Obviamente, durante a instalação das versões completas, tomei o cuidado de desinstalar as versões simplificadas. O que está acontecendo?
Resposta:
Travamentos na finalização do Windows podem ocorrer por diversos motivos, tanto de software como de hardware. Se você tem certeza que o problema ocorreu após a instalação dos navegadores, então provavelmente esses programas deixam algum outro programa ativo na memória que impede a finalização correta. Antes de usar o comando de desligamento, pressione Control-Alt-Del. Será apresentada uma lista dos programas em atividade. Ao suspeitar de um determinado programa, clique-o na lista e use o botão Finalizar tarefa. Tente então usar o comando de desligamento. Procedendo desta forma com os demais programas ativos você poderá descobrir qual deles é o responsável pelo travamento na finalização. Você poderá então descobrir a sua origem e decidir se o mesmo é desnecessário e pode ser removido. Começa aí outra complicação, que é a remoção do programa problemático, cujo método varia bastante de um programa para outro. Muitos podem ser desinstalados através do comando Adicionar/Remover programas do Painel de Controle. Outros podem ser desativados (e novamente ativados) pelo programa MSCONFIG. Para fazer isso, use Iniciar / Executar e digite MSCONFIG. Desmarque então o nome do programa que você quer desativar.
Note que existem outros problemas que causam este tipo de travamento. Reinstalar o driver de vídeo, ou então uma versão mais recente deste mesmo driver, pode solucionar o problema.

22) Falha na finalização do Windows 98
Em uma das minha máquinas, que é um Pentium II, com clock de 266 MHZ, 64 MB de memória, 2.1 GB de disco IDE Ultra DMA, placa de vídeo de 4 MB AGP. Está acontecendo o seguinte: quando adquirir a maquina estava instalado o Windows OSR2, instalei por cima, a versão final do Windows 98 em inglês (logo que saiu). Dai depois de 20 dias saiu a versão em português e instalei por cima. Mas aconteceu o seguinte: quando vou encerrar o Windows, já na parte final do encerramento vem a mensagem: “o programa MSGSRV32 cometeu uma operação ilegal e será fechado”, dou o Ok e computador desliga.
Resposta:
Não é uma boa prática misturar versões do Windows em línguas diferentes. Além de você gastar mais dinheiro comprando dois Windows, incompatibilidades entre arquivos de versões diferentes ocorrem com freqüência. Sugiro que você formate o disco rígido e faça a instalação do Windows em português, o que poderá resolver o problema. Outra providência pode ser tomada para reduzir a chance de travamentos na finalização do Windows. Vários fatores podem causar o travamento do Windows 98 durante a sua finalização, sendo um deles o desligamento rápido, um recurso introduzido com o Windows 98 mas que nem sempre funciona adequadamente, ele pode ser a causa do travamento na finalização. Para desativá-lo clique em Iniciar / Executar e digite MSCONFIG. Na janela apresentada selecione a guia Geral e clique sobre o botão Avançado. Será apresentado um quadro no qual devemos marcar a opção Desativar o desligamento rápido.

23) Habilitando e desabilitando o logo do Windows 9x durante a inicialização
Gostaria de saber como faço para colocar o logo inicial do Windows 98. Há alguns meses atrás, instalei a última versão do Windows 95. Após a instalação, notei que o logo havia sumido. Algumas semanas depois, instalei a nova versão do Windows, o 98, mas o problema persistiu. Procurando na área de faqs de sua homepage, encontrei algo relacionado. Parece que o arquivo que determina o logo é o logo.sys e fica embutido em algum arquivo boot. Gostaria que você me ajudasse com relação a este arquivo de boot e quanto aos comandos que devo realizar, já que existem inúmeros arquivos deste tipo. Gostaria de lembrar também que, tendo em vista a informação obtida em sua página, procurei o tal logo.sys na raiz do C, mas não obtive resultado algum. Consegui o arquivo (logo.sys) através de um amigo que também possui o Windows 98. Poderia me ajudar?
Resposta:
O logotipo de abertura do Windows 95/98 está embutido no arquivo IO.SYS, mas pode ser substituído por qualquer outro definido pelo usuário, de nome LOGO.SYS. Quando o arquivo LOGO.SYS criado pelo usuário é apagado, volta a vigorar o logotipo que está embutido no IO.SYS. Note entretanto que o logotipo pode ser totalmente suprimido com o uso do comando LOGO=0 no arquivo MSDOS.SYS. Edite este arquivo e procure esta linha. Ao encontrá-la pode trocá-la por LOGO=1, ou simplesmente apagá-la. O arquivo MSDOS.SYS está localizado no diretório raiz e tem seus atributos de proteção ligados para que o usuário não o apague ou altere acidentalmente. Para desligar seus atributos, use antes o comando:
ATTRIB –R –S –H MSDOS.SYS
Depois de fazer a alteração, ligue novamente os atributos com o comando:
ATTRIB +R +S +H MSDOS.SYS
Note ainda que caso deseje criar um logotipo personalizado, o arquivo LOGO.SYS deve ser do tipo BMP, com resolução de 320×400 e 256 cores, com a extensão BMP renomeada para SYS. Observe ainda que as medidas são fora do padrão. É melhor trabalhar com um arquivo de 640×480 e depois de pronto, redimensioná-lo para 320×400.

24) Ícones aumentam de tamanho
Meu computador de modo esquisito e repentino ficou com os ícones todos gigantes e isso acabou por impossibilitar o acesso. O que fazer nesse caso?
Resposta:
Coisas estranhas que acontecem de uma hora para outra podem ser consertadas através de uma recuperação do Registro. No Windows 98 basta executar um boot no modo MS-DOS e usar o programa SCANREG. Selecione a opção Restaurar e selecione o backup do dia anterior, e tudo voltará ao normal. No Windows 95, é preciso restabelecer os arquivos USER.DA0 e SYSTEM.DA0 (as cópias do dia anterior), colocando-os no lugar de USER.DAT e SYSTEM.DAT (todos estão no diretório C:\WINDOWS).
Seus ícones podem ter ficado malucos por um erro no registro, ou por uma configuração errada na área de trabalho. Clique sobre a parte vazia da área de trabalho com o botão direito do mouse e escolha a opção Propriedades. Selecione a guia Aparência e você poderá ajustar o tamanho de diversos itens da área de trabalho. Na guia Efeitos, verifique se está marcada a opção “Usar ícones grandes”, pois aí pode estar o problema. Caso não consiga resolver o problema, o próximo passo é reinstalar o driver da placa de vídeo, e em último caso, reinstalar o Windows.

25) Boot à moda antiga
Como configurar o Windows 9x para que o mesmo inicie apenas no modo Prompt, automaticamente, sem ter que pressionar a tecla F8?
Resposta:
A partir do Prompt do MS-DOS, use os comandos:
CD\
ATTRIB –R –S –H MSDOS.SYS
EDIT MSDOS.SYS
Logo após a linha [Options] você deverá encontrar a linha “BOOTGUI=1”. Altere-a para BOOTGUI=0. Salve o arquivo e ligue novamente seus atributos de proteção, usando o comando:
ATTRIB +R +S +H MSDOS.SYS
O próximo boot será feito por default no modo MS-DOS. Se você quiser agora usar o Windows terá que digitar
WIN

26) Travamento na inicialização do Windows
Tenho um Pentium-133 com 32 MB de RAM, HD de 2,5 GB que está apresentando um problema na inicialização do Windows. Logo após a primeira tela gráfica o micro trava. Apenas quando reinicio em modo de segurança a inicialização funciona.
Resposta:
Quando inicializamos em modo de segurança, a maioria dos drivers do Windows são “bypassados”, ou seja, não são carregados na memória. Um deles é o responsável pelo travamento. Existe uma forma simples de descobrir o culpado. Basta teclar F8 quando for apresentada a mensagem “Iniciando o Windows 9x…” (ou então assim que o PC emitir um BEEP após a contagem de memória) e no menu de inicialização apresentado escolher a opção 2. O boot prosseguirá e será gerado no diretório raiz do drive C um arquivo de nome BOOTLOG.TXT. Nele é indicado o carregamento de cada programa e cada driver durante o boot. Depois que ocorrer o travamento, verifique a última linha deste arquivo. Lá estará o nome do programa ou driver que causou o problema. A partir daí você deve investigar a qual software este arquivo pertence. A desinstalação do software correspondente, ou mesmo a atualização de um driver solucionará o problema.

27) PC trava na inicialização e finalização do Windows
Ao inicializar um Pentium-200, em UPDATING ESCD…, o micro demora muito nesta parte para só depois carregar o sistema operacional. Ao mandar reinicializar o micro depois que o sistema operacional está carregado (Windows 98), este sai do Windows mas não inicializa. Antes tudo funcionava normalmente e por um problema qualquer o PC deixou de inicializar o sistema operacional. Após analisar o mesmo, notei que alguns arquivos haviam sido excluídos. Formatei o HD e instalei os programas, e o PC ficou apresentando esses problemas: demora na inicialização, não reinicializa e congela na tela “aguarde enquanto seu computador está sendo desligado”. Quais as prováveis causas?
Resposta:
Um PC pode perder arquivos devido a operações de desligamento indevido (uso direto do botão RESET dentro do Windows, desligamento direto pelo botão Power, sem usar o comando Desligar do Windows). No Windows 98 temos o programa SFC.EXE (Verificador de arquivos de sistema) que faz a checagem por arquivos em falta ou corrompidos os reinstala novamente a partir do CD de instalação do Windows. Outra causa comum para perda de arquivos são imperfeições na rede elétrica. O uso de um estabilizador de voltagem reduz bastante o risco.
Existe outro problema sério que é a qualidade de muitos micros vendidos no Brasil. Muitos usam placas de CPU de baixa qualidade, discos rígidos que sofreram pancadas durante o transporte na ocasião da “importação”, placas que foram tocadas por mãos carregadas de eletricidade estática, placas de CPU com configurações de jumpers erradas, e montagem geral do computador feita por pessoas de baixa qualificação técnica. Montar um computador não consiste apenas em encaixar placas e apertar parafusos. Existem técnicas que devem ser conhecidas, caso contrário o PC poderá não funcionar corretamente, ou apresentar baixa confiabilidade. É claro que à distância não posso afirmar com certeza, mas o fato é que existem milhões de PCs no Brasil com essas características, e o seu pode ser um deles.
A demora na inicialização do Windows pode ser causada por defeito no disco rígido. Quando existem setores com magnetização fraca, as leituras são repetidas várias vezes até serem feitas sem erros, o que causa bastante lentidão. Use o SCANDISK para eliminar os setores defeituosos (não são corrigidos, e sim marcados para que não sejam mais usados). Sugiro que seja feita a montagem do computador, sem modem, sem CD-ROM e sem placa de som. Instale o Windows 98 (antes copie o conteúdo do seu CD-ROM para um diretório do disco rígido), configure a placa de vídeo e cheque se tudo está funcionando. Só depois que os problemas forem resolvidos devem ser instalados os demais dispositivos, e finalmente serem instalados os softwares aplicativos. Experimente usar uma versão mais recente do driver da placa de vídeo, pois em alguns casos o driver de vídeo pode ser o culpado pelo travamento na finalização. Use o comando LOAD BIOS DEFAULTS do CMOS Setup para que sejam carregados os parâmetros que fazem o disco rígido ter o maior desempenho, o que pode eliminar a lentidão na inicialização.

28) Travamentos após a instalação do Windows 98
Meu PC está apresentando travamentos. Antes funcionava com o Windows 98 instalado sobre o 95. Formatei o HD e instalei o Windows 98 direto. Agora trava depois de alguns minutos de uso, nem adianta teclar Control-Alt-Del. Aparece uma tela cheia de caracteres coloridos e piscando. Usei o Norton Utilities e o Norton Anti-virus nas nada foi detectado. Acho também que a placa de som está mal conectada, pois quando mexo no conector do joystick, o som às vezes some, e preciso mexer novamente até o som voltar. O que pode estar causando os travamentos?
Resposta:
Quase sempre os travamentos que não aceitam Control-Alt-Del são causados por hardware. Desconfio que a sua placa de som esteja realmente mal conectada. Abra o gabinete e encaixe-a corretamente, mas é claro que isso deve ser feito com o computador desligado. Realmente uma placa mal encaixada pode fazer o computador apresentar travamentos deste tipo. Fora isso, os defeitos prováveis são os mesmos de qualquer computador: mau contato, rede elétrica, aquecimento, chips defeituosos, etc. Realmente é preciso uma investigação feita por um técnico de hardware ou um usuário mais experiente. Quando o hardware está com problemas não adianta reinstalar drivers, reinstalar o Windows e os programas, usar anti-vírus e Norton Utilities. Essas providências são válidas quando o hardware está em perfeitas condições mas existe algum problema de software, como arquivos corrompidos e drivers incompatíveis, por exemplo.

29) Travamento na finalização do Windows
Tenho um AMD K6-2/233 com som e vídeo embutidos na placa mãe. Uso o Windows 98 e sempre que mando o computador desligar aparece uma mensagem de erro no MSGRV32. Segundo conhecimentos meus, isto é uma incompatibilidade deste tipo de placa mãe com o Windows 98. Esta afirmação procede? Como resolver o problema?
Resposta:
Não necessariamente, já vi inúmeros exemplos dessas placas (TX Pro II, por exemplo) que funcionam perfeitamente no Windows 98. O que pode realmente causar este tipo de problema no fechamento são drivers de som, vídeo e outros dispositivos. Experimente instalar drivers atualizados, você poderá encontrá-los no site do fabricante da sua placa de CPU. Este problema também pode ser causado por algum programa em execução que esteja impedindo o desligamento correto. Pressione Control-Alt-Del e será apresentado um quadro com a lista dos programas ativos. Use o botão Finalizar tarefa para desativar um programa suspeito e tente a seguir usar o comando Desligar. Repita o teste com outros programas até descobrir qual é o causador do problema. Uma vez tendo identificado o programa descubra qual é a sua origem, desative-o ou instale uma versão nova, se necessário.

30) Usuário bagunçou os arquivos do Windows
O diretório Windows foi parar em outro diretório. Fui movê-lo para a raiz e este não copiou todos os arquivos, ocorrendo algumas falhas na execução do Windows 95. Instalei o Windows por cima. Quando fui acessar a Internet não consegui, pois o Internet Explorer 4.0 não executava. Tentei desinstalar mas não consegui. Aparece uma mensagem que não tive sucesso. Tentei instalar mas não consegui, sendo apresentada a mensagem “Internet Explorer já instalado”. Não posso formatar o HD, pois há programas instalados que não possuem disquete de instalação, não tendo como instalá-los novamente. O que faço?
Resposta:
O que você vai fazer se um dia o disco rígido apresentar defeito, ou se ocorrer um blackout ou outro problema na rede elétrica que resulte em perda de dados no disco rígido, ou mesmo um vírus? Muito importante é ter sempre um backup dos dados armazenados no computador. Menos importante, mas também fundamental, é ter os discos de instalação dos programas que você possui. Se você os tivesse poderia formatar o disco rígido e instalar tudo novamente, o que eu faria no seu caso. Não podendo fazer isso, vejamos o que pode ser tentado.
Volte ao diretório no qual o Windows foi parar acidentalmente e tente mover seletivamente os arquivos que não puderam ser movidos para o seu local original. Se durante a operação do Windows você mover acidentalmente uma pasta, pressione imediatamente Control-Z para desfazer a mudança. Isto só funcionará se for usado imediatamente após o engano. Para manter um pasta protegida de movimentações acidentais, clique-a com o botão direito do mouse e escolha a opção Propriedades. Marque então a opção Somente leitura. Isto fará com que antes de qualquer movimentação ou apagamento seja apresentado um quadro de confirmação, e você poderá desistir da operação. Faça o mesmo com as pastas Windows e Arquivos de Programas.
Para detonar o Internet Explorer, permitindo a sua nova instalação, apague a pasta Internet Explorer, localizada em Arquivos de Programas. Por segurança, mova a pasta para outro lugar, ao invés de apagá-la. Faça então a instalação do programa.

31) Propaganda indesejável na partida do Windows
Há algum tempo recebi um e-mail, e nele estava anexado um arquivo executável. Este arquivo era um instalador, que por sinal até hoje convivo com ele a cada 20 minutos. Um letreiro aparece no canto da tela, passando o nome e o telefone do vendedor. O que faço para excluir este letreiro de vez?
Resposta:
Me parece uma prática comercial bastante irregular. Obrigar o usuário a ver uma propaganda, involuntariamente a cada 20 minutos, não é nada ético. Provavelmente o método que este programa indesejável utiliza para ser executado de forma automática é o mesmo utilizado por outros tipos de programas que usam este recurso.
Pressione Control-alt-del dentro do Windows e será apresentado um quadro com o título Fechar programa. Um dos programas exibidos é o seu letreiro indesejável, tende descobrir qual deles. Se desconfiar de um deles, selecione-o na lista e use o botão Finalizar tarefa. Você agora saberá o título do programa, o que pode ajudar na sua eliminação. A seguir procure entre os programas do grupo Iniciar (Iniciar / Programas / Iniciar) pelo seu letreiro. Remova-o deste grupo (é melhor movê-lo para outro local, assim você poderá colocar de volta, caso tenha removido o programa errado). Feito isto reinicie o Windows para verificar se o programa sumiu. Se o letreiro continuar aparecendo, significa que você removeu o programa errado. Coloque-o de volta no grupo Iniciar e tente outro programa deste grupo. Se nenhum deles for o seu letreiro, é possível que sua execução esteja sendo ativada pela seção RUN= do arquivo WIN.INI, ou então através do Registro. Use o programa MSCONFIG (Iniciar / Executar / MSCONFIG) para ter acesso aos arquivos de inicialização para eliminar o programa indesejável.

32) Versões do Windows 98: atualização e completa
Tenho o Windows 95 e quero instalar o Windows 98, mas estou em dúvida se compro a versão de atualização ou a versão completa. Ouvi dizer que para instalar a versão completa é preciso formatar o disco rígido, coisa que não quero fazer.
Resposta:
Tanto na versão de atualização como na completa, a instalação pode ser feita a partir de uma nova formatação no disco rígido (é preciso fazer backup prévio dos dados e reinstalar softwares e restaurar dados depois de instalado o Windows), ou então sobre a versão anterior do Windows (os dados e aplicativos são mantidos). A diferença está no aspecto comercial. Aqueles que adquiriram o Windows 95 podem comprar a versão de atualização por um preço menor. Ao ser instalada, o programa de instalação pede que seja colocado o CD-ROM ou disquetes do Windows 95 apenas para efeito de validação. A instalação da versão completa (que custa mais caro, destinada àqueles que não adquiriram o Windows 95) não faz esta checagem. Se você possui o CD ou disquetes de instalação do Windows 95 pode portanto comprar a versão de atualização. Em qualquer caso, não será necessário formatar o disco rígido.

33) MS-DOS não reconhece disquetes de instalação do Windows
Copiei os disquetes de instalação do Windows 95 para um diretório do disco rígido, para facilitar a instalação. Os dois primeiros disquetes copiei sem problemas, mas a partir do terceiro o drive não consegue reconhecer, por causa da formatação de 1.7 MB. Como devo fazer?
Resposta:
Você deve ter executado o boot com um disquete do MS-DOS, que não reconhece a formatação de 1.7 MB usada nos disquetes de distribuição do Windows 95. A solução para o problema é executar o boot com o disquete de inicialização, fornecido juntamente com os disquetes de instalação do Windows 95. Neste disquete, o boot é o mesmo usado pelo Windows 95, e deste modo a formatação de 1.7 MB será reconhecida.

34) PC passou a apresentar travamentos no Windows 98
Tenho um PC com K6-2/300 com 64 MB de RAM, disco rígido de 5 GB, Sound Blaster AWE 8x, placa fax/modem 14.4 da US Robotics e placa de vídeo Diamond Stealth 64 VRAM com 2 MB. Tenho usado o Windows 98 em inglês por quase 5 meses sem problemas. De uma hora para outra o sistema começou a apresentar travamentos e fui obrigado a formatar o disco rígido, mas os problemas continuam. Os problemas são do tipo “An Exception 0E has occurred at 0028:C0050776 in VxD VPICD(01) + 000000E9A…” e “A Fatal Exception 0D has occurred at…”. O que devo fazer para resolver o problema?
Resposta:
Note que a formatação do disco rígido nem sempre é uma operação necessária. Quando o computador apresenta travamentos causados por arquivos corrompidos, basta reinstalar o Windows, mantendo o mesmo diretório (C:\WINDOWS). Todos os softwares e demais configurações são mantidos. Apenas quando este recurso não funciona devemos partir para formatar o disco rígido e reinstalar o Windows a partir do zero. Outra pista é tentar localizar o software no qual o erro ocorreu. No seu exemplo, o problema ocorreu em VPICD. Use o comando Localizar para descobrir onde está este arquivo e a qual software pertence. A desinstalação do software ou sua substituição por uma versão atualizada poderá resolver o problema.
Se você formatou o disco rígido e fez uma instalação nova do Windows, mas mesmo assim os travamentos continuam, pode existir um problema de hardware no seu computador, e as origens podem ser muitas: aquecimento do processador, defeito na fonte, defeito nas memórias, instabilidades na rede elétrica, defeito na placa de CPU, problemas em drivers do Windows (som, vídeo, etc.) e diversas outras. Sugiro que você chame um técnico para fazer um checkup de hardware no seu PC. Apenas quando o hardware for considerado confiável devemos partir para a reinstalação de software.

35) Erro: arquivo de dispositivo não encontrado
Após retirar um programa que não sei qual, me deparai com uma mensagem relatando que um arquivo de dispositivo não foi encontrado durante a inicialização do Windows.
Resposta:
Este problema normalmente acontece quando o usuário apaga diretórios com programas, sem utilizar o processo correto, que é a desinstalação através do comando Adicionar/Remover programas do Painel de Controle. Ainda assim, em alguns casos o problema pode ocorrer mesmo quando é feita a desinstalação correta. O programa ou driver estava sendo ativado por um dos arquivos de inicialização do Windows. Você tem acesso a todos eles através do programa MSCONFIG. Basta usar Iniciar / Executar / MSCONFIG. Será apresentado um quadro com várias guias, e em uma delas você encontrará o nome do programa que está sendo executado. Poderá então desmarcá-lo para que não seja mais executado.

36) Sumiu a barra de ferramentas do Paint
Ao abrir o Paint, percebi que faltava a barra de ferramentas. Fui até o Exibir e verifiquei que a barra de ferramentas deveria estar na tela, porém, a barra sumiu. Tentei várias vezes trazê-la de volta, reinstalei o Windows e nada.
Resposta:
As ferramentas do Paint, localizadas na parte direita da tela, podem ser habilitadas ou desabilitadas através de comando apropriado no menu Exibir. É possível que exista algum problema no próprio arquivo MSPAINT.EXE. Para solucioná-lo, use o comando Adicionar / Remover programas no Painel de Controle. Desmarque a opção PAINT, na área de acessórios. Use novamente o Painel de Controle para instalar o Paint, e será feita uma nova leitura do aplicativo a partir do CD de instalação do Windows.

37) Desativando programas
Como desativar aqueles programinhas que iniciam junto com Windows? Como vou ao win.ini para apagar uma linha?
Resposta:
A forma mais simples de eliminar programas que são iniciados junto com o Windows (grupo Iniciar, Registro, WIN.INI, CONFIG.SYS e AUTOEXEC.BAT) é usando o programa MSCONFIG. Use Iniciar / Executar e preencha o nome do programa, MSCONFIG. Nele existem várias guias que dão acesso aos arquivos de inicialização, grupo iniciar e áreas do registro onde estão os programas que são iniciados junto com o Windows. Bastará então desmarcar os programas que você não quer que sejam mais ativados. Isto não fará o apagamento do programa e nem da sua chamada, apenas o colocará como comentário, o que impedirá a sua execução. Posteriormente você poderá voltar ao MSCONFIG se quiser ativar novamente alguns desses programas.

38) Travamento no DOS
Tenho um Pentium 166 com 16 MB de RAM e Win98. Desde que instalei o Win98, toda vez que aciono o prompt do MS-DOS e aperto qualquer tecla, ele trava totalmente. Nem o Ctrl+Alt+Del funciona. Isso não acontecia quando eu tinha o Win 95. É recomendado reinstalar de novo o Win95? Se não, o que deve ser feito?
Resposta:
Por via das dúvidas, instale o Windows 98 segunda edição, por cima do Windows 98. Não é necessário formatar o disco rígido. Pode ser obtido gratuitamente em www.microsoft.com.br. Nesta nova versão do Windows foram feitas várias correções, inclusive relacionadas ao modo MS-DOS. Faça ainda um teste: execute o prompt do MS-DOS em janela do Windows, e não em tela cheia. Se nesta modalidade não ocorrer o problema, existe grande chance do culpado ser o driver da placa de vídeo. Neste caso você deve instalar um driver de vídeo mais recente, obtido no site do fabricante da placa de vídeo.

39) Windows 2000 é a solução?
Tenho eu e minhas filhas o Windows 98, não em rede, que contém algumas coisas que deixam a desejar. Com a chegada do Windows 2000, gostaria de saber: Vale a pena migrar? Ter-se-ia de instalar por cima ou desinstalar o Windows 98? Segundo amigos, o Windows NT é bem melhor, certo ou errado?
Resposta:
O Windows 98 recebeu em julho/99, uma atualização, chamada de Windows 98 segunda edição. Você pode atualizá-lo gratuitamente, bastando fazer o download da atualização pela Internet, em www.microsoft.com.br. A próxima atualização prevista é o Windows Millenium, possivelmente no final do ano 2000. Já o Windows 2000 é a nova versão do Windows NT, sistema voltado para uso corporativo, onde é exigido elevado grau de segurança. A linha Windows 95/98/Millenium é apropriada para aplicações domésticas e de pequenos escritórios. O Windows 2000 dá ênfase maior à segurança (por exemplo, um programa travado não faz o sistema cair, o administrador pode impedir que usuários instalem softwares por conta própria) e requer computadores mais potentes. Não existe preocupação com a compatibilidade com programas para o MS-DOS (por exemplo, jogos). Já o Windows 98 é funciona bem em computadores mais modestos, oferece maior suporte a jogos e é o mais indicado para uso doméstico e não profissional, apesar da sua segurança ser facilmente quebrada por especialistas. O Windows NT (2000) realmente é melhor, mais robusto, menos sujeito a falhas, porém você precisará de computadores com processador mais rápido e maiores quantidades de memória. Muitos jogos não funcionarão. Se você não utiliza o PC profissionalmente e se não está satisfeito com o Windows 98, recomendo a atualização para a segunda edição, pois este é o sistema mais adequado para o tipo de aplicação que você tem.

40) Usando o CardFile do Windows 3.x no Windows 9x
Meu problema é que coloquei todos os meus discos de áudio (LPs e CDs) no Card File do Windows 3.1 e, até agora, não encontrei no Windows 95 um substituto que aceite atualização. Existe algo semelhante?
Resposta:
Você pode utilizar o Card File do Windows 3.1 sob o Windows 95. Quando é feita a instalação do Windows 95 sobre o Windows 3.x, todos os aplicativos são mantidos, inclusive o CARDFILE. Se o Windows 95 foi instalado a partir do zero, sem manter os antigos aplicativos do Windows 3.x mas você ainda tem acesso ao antigo computador onde está o Windows 3.x e os arquivos gerados pelo Cardfile, copie para o novo computador os arquivos gerados e o próprio CARDFILE.EXE. Você poderá então utilizá-lo normalmente. Apenas fique preparado para algumas coisas estranhas, como por exemplo o não reconhecimento de arquivos com nomes longos, sendo substituídos por nomes curtos como ARQUIV~1.CRD ou similar.

41) Não consigo alterar o LABEL do disco rígido
Esstou tentando renomear o nome do volume da unidade C: do micro onde trabalho e ele me dá a seguinte mensagem: NÃO É POSSÍVEL A CRIAÇÃO DE UMA ENTRADA DE DIRETÓRIO; isto também já me aconteceu com disquetes. Como resolver?
Resposta:
O problema é causado pelo fato de existirem muitas entradas de diretório na sua raiz. Evite criar no diretório raiz, arquivos ou diretórios com nomes longos. Os demais diretórios não têm limitação, mas o raiz comporta apenas 512 entradas de diretório. Arquivos de nomes longos ocupam várias dessas entradas, o suficiente para abrigar o nome completo (cada entrada representa apenas 8 caracteres). Apague então arquivos desnecessários do diretório raiz e mova outros para um diretório qualquer. Você poderá agora renomear o volume do drive C.

42) Compactação do Windows 98
Fiz a instalação do Windows 98 e são necessários 200 MB livres no HD, mas como meu HD é de 400 MB, eu não dispunha destes 200 livres e, por isso, optei por instalá-lo na forma compactada. Gostaria de saber: existe um jeito de eu instalar sobre a versão compactada apenas os componentes que não constam na versão compactada, tais como Outlook Express e a opção de hibernação ao desligar o micro, sem reinstalar o Windows por completo? Na opção cores, as duas opções são 2 ou 16 cores e por isso as imagens, principalmente na Internet, ficam ruins. Há um modo de eu converter para 16 ou até mesmo para 32 cores ou esta é mais uma das limitações da forma compactada? Se eu usar o agente de compactação na opção ferramentas do sistema, o que vai me permitir cerca de 835 MB de HD, mais que o dobro que eu tenho, haverá conseqüências mais desagradáveis tais como grande lentidão na leitura dos programas?
Resposta:
A expressão “compactada” tem dois significados distintos, ambos relacionados com a falta de espaço no disco rígido. A instalação do Windows 98 na forma compactada e reduzida consiste em instalar apenas alguns dos seus componentes, deixando outros ausentes. Nesse caso você poderá posteriormente adicionar os componentes que desejar, através do comando Adicionar / Remover Programas no Painel de Controle. Na guia Instalação do Windows, selecione os componentes que deseja instalar.
O outro sentido que tem a compactação é o uso do processo de compressão de disco, através do software DriveSpace, que virtualmente “duplica” a capacidade do disco rígido. Seu disco de 400 MB ficará com cerca de 800 MB livres, mas este ganho de espaço nem sempre se verifica na prática. Por exemplo, se você possui muitos arquivos já comprimidos, gráficos GIF e JPG e executáveis auto-descompactáveis, a capacidade total será menor que o dobro da original. Capacidade dobrada ou mesmo superior poderá ser obtida se você possui muitos arquivos de texto, planilhas, bancos de dados e páginas da Internet. De qualquer forma, o uso da compressão de disco torna o PC mais lento. Arquivos precisam ser comprimidos pelo sistema operacional antes de serem gravados, e descomprimidos ao serem lidos. Essas operações são feitas automaticamente pelo sistema operacional sem que o usuário note, e realmente parece que a capacidade total do disco é dobrada. Devido ao trabalho adicional, o processador fica muito mais ocupado, resultando em lentidão. Você provavelmente está tentando instalar o Windows 98 em um PC que está abaixo dos requisitos mínimos de hardware especificados pela Microsoft (Pentium-133 com 16 MB, o HD deveria ser de capacidade maior, pelo menos 1 GB para uso adequado).
Quanto ao número de cores do vídeo, as opções existentes são 2, 16, 256 (8 bits), 32k ou 64k (Hi Color, com 15 ou 16 bits) e 16 milhões (True Color, com 24 ou 32 bits). As opções disponíveis dependerão da placa de vídeo e do driver utilizado. Por exemplo, placas Trident PCI podem exibir 16 milhões de cores, mas o driver do Windows 9x oferece apenas 256, sendo necessário instalar o driver do fabricante da placa para obter este recurso. Você não especificou a configuração do seu computador, suponho que seja um notebook, já que as placas de vídeo usadas nos PCs desktop não possuem a opção e operar com 2 cores. As opções 2/16 cores são mais fáceis de encontrar em portáteis antigos. Você precisará consultar o manual do seu computador (ou da sua placa de vídeo) para checar qual é o máximo número de cores que podem ser geradas pelo chip gráfico. Se puder aumentar, você terá ainda que procurar um driver de vídeo junto ao fabricante.